Venda de telemóveis cai 21% no mercado português

Author: Share:

No segundo trimestre de 2012 foram vendidos em Portugal 1,08 milhões de unidades de telemóveis, uma queda de 21% em relação ao mesmo período do ano passado, revela o estudo “IDC European Mobile Phone Tracker”. Foram vendidos menos 96 mil telefones por mês, o que corresponde à maior queda registada em períodos homólogos. Durante o trimestre, foram vendidos 623 mil unidades de telefones tradicionais, uma descida de 37% face ao segundo trimestre de 2011. Foram também vendidas 457 mil unidades de smartphones, um crescimento de 37% face ao período homólogo. O segmento dos smartphones representou 42% das vendas totais do trimestre.

“O segundo trimestre continuou a ser afetado pela forte contração da procura em virtude da deterioração da economia portuguesa. Apesar da queda verificada, que afetou a maioria dos fabricantes, a quota de mercado da Samsung continua a crescer no segmento dos smartphones. A gama de produtos Galaxy continua a ser um caso de sucesso em toda a europa, ao qual os consumidores portugueses não têm sido indiferentes”, afirma Francisco Jerónimo, Responsável Europeu de Research da Área de Telefones Móveis da IDC.

Verifica-se também que, à semelhança do que aconteceu na europa, os rumores de lançamento de vários modelos dos principais fabricantes, previstos para o terceiro trimestre, têm contribuído para que muitos consumidores adiem a intenção de compra de smartphones. Uma tendência que afetou principalmente a alta gama do mercado.

Samsung e Sistema Operativo Android lideram no mercado português

Em Portugal, a quota de mercado da Samsung continua a crescer, sobretudo devido ao sucesso da gama de produtos Android. O fabricante coreano tem conseguido dominar a alta gama, na qual só encontra concorrência por parte do iPhone da Apple. Contudo, são os produtos de média gama que registam as maiores vendas. O domínio do sistema operativo Android é também uma das características a destacar no período analisado. As vendas totais do sistema operativo alcançaram 338 mil unidades, ou seja, 74% das vendas totais de smartphones em Portugal, o que corresponde a um crescimento de 37% face ao período homólogo.

Pub

Informação relacionada