A nova era das malhas da United Colors of Benetton

Author: Share:

Enquanto alguns pensam que a United Colors of Benetton é sinónimo de muitas cores juntas, deveriam ter em conta que o nosso ADN tem tanto de tecido como de colorido e brilhante. Ou seja, desde a sua fundação, nos anos sessenta, a Benetton tem sempre liderado o mercado das malhas e, com o lançamento da coleção Outono/Inverno 2012, prepara-se para se manter na liderança. A primeira coleção de You Nguyen para a marca é uma confirmação da sua herança em malhas atualizada com tecnologias computorizadas de estado-de-arte que nos permitem criar malhas de qualidade manual utilizando diferentes fios e padrões, sem atingir um preço astronómico.

Por exemplo, a coleção de senhora vê o elegante padrão de losangos do outono reinventado num algodão transparente, fino, com o padrão em diamante a funcionar mais como uma textura do que como um padrão, sobreposto em lã feltada. Pulloveres em mohair macio e casacos cinza tingidos, anil e musgo ecoam os «must-have» das passarelas de outono, sendo criados em máquinas especiais que entrançam dois tipos diferentes de fios numa única peça, para um efeito mais texturado—algo que, até agora só podia ser conseguido através do laborioso trabalho manual. A mesma técnica é aplicada a um vestido direito coberto com um padrão geométrico abstrato, mas tornado mais interessante através da integração de três diferentes de técnicas de malha, e não apenas fios, numa camisola.

Novos modelos e silhuetas modernas ganham forma como vestidos grossos com capuz, túnicas com mangas asa-de-morcego e muito mais. Temos malhas coloridas e brilhantes em gaze mohair sem costuras, uma vez que são produzidas em máquinas de peça inteira. Até mesmo os acessórios são tecidos – uma mala atrevida com agulhas de croché como fecho, por exemplo. Fios preciosos normalmente ausentes da alta moda entram na coleção. A introdução de uma caxemira macia e ultraluxuosa de 8 dobras surge ligeiramente cortada na cintura, inspirando-se vagamente nos anos 50. Casacos às riscas associam-se a camisolas de gola alta de manga curta, numa mistura ultraligeira de seda e caxemira criada para uma alternativa elegante aos conjuntos clássicos.

Para o homem, a lã assume o papel central como base do guarda-roupa de outono—outerwear e tudo. Casacos de aviador sobrepostos com malhas intricadas e acessorizados com cachecóis grossos. Camisolas grossas surgem como cardigan ou casaco e são também criadas nas mesmas máquinas de mistura de técnicas, dando origem a padrões pouco comuns. Para o homem de vanguarda, os losangos ganham uma renovação conceptual, abstrata, para se tornarem mais num ziguezague em tons de terra queimada e neutros.

A coleção de Outono/Inverno 2012 da United Colors of Benetton é onde a tecnologia se cruza com a tradição. É uma coleção que reinventa os clássicos de malha e os harmoniza com as tendências de 2012, mas que também regressa a um tempo em que as camisolas eram intricadamente tecidas à mão e usadas para toda a vida. O compromisso ímpar de integrar o artesanato do passado com o brilhantismo do futuro, a um preço acessível nos nossos dias, marca o início de uma nova era para as malhas da United Colors of Benetton e para a moda ao alcance de todos para além dela.

Pub

Informação relacionada