Coruja-do-mato-tropical é o animal do mês do Jardim Zoológico

Author: Share:

Sabia que as aves têm o campo de visão muito maior que o do Homem? As Corujas são especialistas em visão noturna e, por isso, têm a melhor visão binocular do reino animal. Esta característica permite-lhes medir com precisão a distância das presas.

A Coruja-do-mato-tropical distingue-se pelos seus voos baixos e silenciosos, pelas vocalizações, pelos olhos grandes e pela ampla rotação da cabeça. Originária da América do Sul, esta espécie apresenta plumagem que pode ir do acinzentado ao acastanhado, com um disco facial cinzento claro.

Com apenas 25 cm, 160 gr de peso e com penas extremamente macias, o seu voo torna-se imperceptível às presas. Aproxima-se das presas sem ser detectada e consegue, assim, caçar de forma eficaz. Durante a captura utiliza as garras afiadas e o bico muito curvo, engolindo a presa por inteiro.

Esta espécie alimenta-se sobretudo de insectos, gafanhotos e grilos, mas também de aranhas, minhocas, morcegos, cobras e pequenos mamíferos.

A Coruja-do-mato-tropical é uma espécie ameaçada, vítima do tráfico ilegal de aves exóticas.

No Jardim Zoológico pode observar esta pequena ave, enquanto conhece outras na apresentação de Aves em Voo Livre, no Bosque Encantado.

Pub

Informação relacionada