Borges lança Soalheira Vintage Port 2012

O Soalheira Vintage Port – uma nova marca de Vinho do Porto da Borges – surge não só no ano em que a firma celebra o seu 130º aniversário, mas também como uma homenagem simbólica a todos os colaboradores que participaram na produção de vinhos memoráveis na Quinta da Soalheira, adquirida há 110 anos pelos fundadores da empresa.

Desde a sua fundação, em 1884, que a Borges se entrega ao desafio de produzir vinhos únicos. Este Borges Soalheira Vintage Port 2012 é produzido com uvas provenientes da Quinta que lhe dá o nome e assinado pelo enólogo responsável da SVB, José Maria Machado.

De cor ruby intensa e escura, revela no nariz a presença de frutos pretos como amoras e ameixas pretas maduras. Tem um aroma floral, com notas de violetas e uma sensação fresca e resinosa como a menta e o eucalipto. Trata-se de um ano de grande maturação, bem revelado pela complexidade dos aromas. Com um ataque equilibrado entre a doçura e a acidez, o sabor revela na perfeição as sensações aromáticas que se prolongam num final de grande persistência. Na boca revela um grande volume, com estrutura e taninos muito macios.

Situada em São João da Pesqueira na sub-região do Cima Corgo, a Quinta da Soalheira foi adquirida pelos irmãos Borges no longínquo ano de 1904. O Rio Torto divide a Quinta a meio. Na margem esquerda ficam as fragas escondidas pelo denso mato. É apenas na margem direita que estão as vinhas desta propriedade de área total de 340 hectares. É a partir das uvas desta Quinta que a Borges produz os seus melhores Vinhos do Porto e do Douro.

Pub