Paulo Laureano apresenta novidades nos seus vinhos topo de gama

Author: Share:

A Paulo Laureano Vinus apresentou esta semana ao mercado as novas colheitas dos seus vinhos topo de gama. Sendo um produtor que se diferencia pela exclusiva utilização de castas nacionais, Paulo Laureano escolheu duas zonas específicas, cada uma delas com características singulares, para desenvolver estes vinhos que podem ser encontrados no mercado nacional e nos países onde a marca está presente, como o Brasil ou Angola, entre outros. Outro novidade é a aposta da marca em distribuidores mas pequenos, mais diretos.

A saída da Paulo Laureano Vinus do distribuidor que representava os seus vinhos permitiu a redução de um interveniente na cadeia que se estabelece até ao consumidor final. Esta mudança permite uma melhor proximidade com os clientes e uma redução nas margens impostas aos vinhos. Resultado disto é já uma redução significativa nos vinhos Paulo Laureano, como se pode verificar nestes quatro vinhos apresentados.

“Na Paulo Laureano Vinus, continuamos a reafirmar aquilo que nos distingue: a escolha de “terroir’s” de eleição, que pelas suas condições de clima e solo, conjugadas com castas perfeitamente adaptadas permitam produzir vinhos de caracter e personalidade marcados. A Vidigueira e Bucelas são dois grandes exemplos, disso mesmo. A aposta exclusiva e orgulhosamente assumida, nas castas portuguesas, continua a marcar também de forma decisiva a nossa filosofia no desenho dos vinhos. Porque nos dão identidade, nos distinguem, estão adaptadas às nossas condições, são diferentes nos seus aromas e sabores, mas dão prazer. ” afirma o enólogo Paulo Laureano.

São vinhos com origem nestes dois locais de eleição para produção de vinho: Bucelas a norte de Lisboa e Vidigueira, uma das sub-regiões alentejanas de maior diferenciação, que a Paulo Laureano Vinus, lança agora neste final de ano de 2014.

De Bucelas, com origem em vinhas velhas do produtor António Paneiro Pinto, instaladas em solos derivados de margas e calcários duros, tradicionalmente designados por “caeiras”, em vales profundos, que as protegem de uma influência marítima mais forte, dois brancos: Paulo Laureano Espumante DOC Bucelas 2009 e Paulo Laureano Bucelas Branco 2013. Da Vidigueira, duas edições especiais, vinhos que saem unicamente para o mercado quando a sua qualidade supera as nossas expectativas. Quando, à influência determinante dos solos de xisto, das vinhas plantadas, nas suaves encostas, às portas da Vidigueira, se junta um clima equilibrado, que permite um balanceamento perfeito das castas que trabalha: Paulo Laureano Selectio Touriga Nacional 2012 e Paulo Laureano Reserve Vinea Julieta Field Blend 2012.

Pub

Informação relacionada