Surfistas portugueses continuam a fazer história

Author: Share:

Depois da primeira prova da triple crown havaiana, que terminou no passado Sábado na praia de Haleiwa, Portugal conta agora com 3 surfistas no top 50 do ranking mundial da ASP.

Frederico Morais foi o surfista que mais se destacou nesta etapa prime do circuito de qualificação. O Vice-Campeão Nacional da Liga Moche atingiu um excelente resultado alcançando as meias-finais, onde acabou por perder contra dois surfistas do world championship tour.

Tiago Pires, Vasco Ribeiro, Nic von Rupp e José Ferreira foram os restantes portugeses em prova e todos eles alcançaram excelentes resultados:

Tiago Pires e Vasco Ribeiro terminaram em 17.º lugar e Vasco Ribeiro sai desta prova na liderança do prestigiado prémio da triple crown havaiana rookie of the year, prémio este alcançado por Frederico Morais em 2013.

Nic von Rupp terminou em 25.º, depois de ser batido pelos havaianos Joel Centeio e Dusty Payne, que viria a vencer a prova.

Finalmente, José Ferreira foi eliminado na 4ª ronda, terminando a prova no 49.º posto.

Os portugueses seguem agora para Sunset Beach com Tiago Pires no 34º posto do top mundial da ASP, Frederico Morais no 35º posto, Vasco Ribeiro no 50º lugar, Nic von Rupp na 64ª posição e José Ferreira no 75º posto. A triple crown havaiana é composta por duas etapas Prime do circuito de qualificação (Haleiwa e Sunset) e pela última prova do circuito mundial de surf (world championship tour), o mítico Pipeline Masters. Estas são as provas que encerram o calendário de competição internacional de surf e onde se disputam importantes pontos que irão eleger os nomes para o restrito circuito da elite do surf mundial, que reúne os 34 melhores do mundo.

Pub

Informação relacionada