Douro e Porto destacam-se nos Grandes Vencedores do Concurso Vinhos de Portugal

Author: Share:

Ministro da Agricultura, Capoulas dos Santos, esteve presente na entrega dos “Os melhores vinhos de Portugal” no terraço do Bussaco Palace Hotel, pela ViniPortugal ao setor do vinho. No total 29 vinhos nacionais foram destacados com Grande Ouro e foram premiados 333 vinhos. Na cerimónia marcaram presença os prestigiados especialistas internacionais Julia Harding, os americanos Joshua Greene e Evan Goldstein, o brasileiro Dirceu Junior e a alemã Caro Maurer, assim como todo o júri que durante vários dias selecionou os melhores vinhos entre os 1350 apresentados na edição 2016 do Concurso Vinhos de Portugal.

Nos vinhos tranquilos o Quinta do Portal Grande Reserva 2011, Tinto do Douro, foi distinguido como o “Melhor Vinho do Ano do Concurso Vinhos de Portugal”. A distinção de “Melhor Vinho Tinto Varietal” foi atribuída a Messias Clássico Garrafeira, 2010, tinto da Bairrada, enquanto o galardão de “Melhor Vinho Branco Varietal” foi entregue a Quinta de Linhares Azal, 2015. Destacou-se como “Melhor Vinho do Lote Tinto” o vinho Quinta do Portal Grande Reserva, 2011, Tinto do Douro, e como “Melhor Vinho Branco de Lote” o vinho Vallegre, Douro Reserva Branco, 2014, de Vallegre, Vinhos do Porto S.A.

Na categoria de vinhos licoroso, o Vinho do Porto Tawny de 1967 da Messias foi eleito “Melhor Vinho licoroso com data” e o Vinho do Porto Tawny 40 anos da Kokpe, da Sogevinus, foi classificado como “Melhor Vinho Licoroso com Idade”.

O Douro conquistou 14 das 24 medalhas de Grande Ouro nos vinhos tranquilos e quatro Grandes Ouros na categoria dos Licorosos. Foram também premiadas com Grande Ouro nos vinhos tranquilos as regiões vitivinícolas do Alentejo, Bairrada, Dão, Lisboa, Península de Setúbal, Tejo e Vinho Verde.

Pub

Informação relacionada

Deixar um comentário