Bill Gates recomenda «Sapiens: História Breve da Humanidade»

Author: Share:

Todos os anos Bill Gates faz um vídeo divertido com os cinco livros que entende serem leituras perfeitas para o Verão… e “Sapiens: História Breve da Humanidade” editado em Portugal pela Editora Vogais (chancela do Grupo 20l20 Editora) é um deles.

Ver video

bill-gates-recomenda-sapiens-historia-breve-da-humanidade_1Sapiens: História Breve da Humanidade é uma obra fundamental que não se concentra apenas no passado, procurando também explicar os significados mais profundos e as implicações morais e existenciais dos acontecimentos humanos. Este livro apresenta toda a evolução da nossa civilização, desde a pré-História, passando pelos Descobridores e os primeiros colonos, as revoluções agrícola e industrial, e até aos desenvolvimentos científicos e tecnológicos das últimas décadas.

Recorrendo a ideias da paleontologia, antropologia e sociologia, o autor, Yuval Noah Harari, analisa os principais saltos evolutivos da humanidade, desde as espécies humanas que coexistiam na Idade da Pedra até às revoluções tecnológicas e políticas do século xxi, que nos transformaram em deuses, capazes de criar e de destruir.

Num registo acessível e entusiasmante, Sapiens: História Breve da Humanidade procura não só explicar o que aconteceu, e como aconteceu, mas também revelar o que sentiram os seres humanos durante os vários processos evolutivos, e perceber se somos hoje um ser mais feliz ou infeliz. Esta é uma obra desafiadora, desconcertante e inteligente, uma perspetiva única e original sobre a nossa História e o impacto do ser humano no planeta

Sobre YUVAL HARARI
Doutorado em História pela Universidade de Oxford, o autor tem-se dedicado a ensinar israelitas, palestinianos, judeus, cristãos, muçulmanos e ateus, encorajando-os a questionar os conhecimentos e ideias que têm por garantidos sobre a vida, o mundo e a humanidade. Atualmente, a sua investigação incide sobre a relação entre a história e a biologia, a ética da história e a história da felicidade e do sofrimento.

Pub

Informação relacionada

Deixar um comentário