The Wine Advocate divulga 51 elevadas pontuações de Vinhos da Península de Setúbal

Author: Share:
the-wine-advocate-divulga-51-elevadas-pontuacoes-vinhos-da-peninsula-setubal

No último ano os Vinhos da Península de Setúbal têm vindo a conquistar as atenções da publicação americana The Wine Advocate. Mark Squires, o provador oficial para os vinhos de Portugal, acaba de publicar o terceiro artigo dedicado à região com 51 notas de prova. Entre Moscatéis de Setúbal e vinhos da Península de Setúbal e de Palmela, as pontuações na escala de Robert Parker variam entre os 87 e os 95.

Os Moscatéis de Setúbal da Casa Agrícola Horácio Simões – Moscatel Roxo de Setúbal 2003 e Moscatel Roxo de Setúbal Superior Excellente -surgem no topo da lista com 95 pontos. O Hexagon tinto, 2009, da José Maria da Fonseca surge de seguida com 94 pontos, podendo ser, segundo o crítico, considerado ‘o melhor vinho tinto deste artigo’. Ainda com 94 pontos surgem os vinhos Horácio Simões Moscatel Roxo de Setúbal 1996 e Quinta do Piloto Moscatel de Setúbal Coleção de Família.

No total foram avaliados 20 Moscatéis de Setúbal, que Mark Squires descreveu há um ano como ‘Os melhores vinhos que ainda desconhecemos’ e 31 vinhos da Península de Setúbal e de Palmela, de sete produtores da região – António Saramago Vinhos, Casa Ermelinda Freitas, Adega de Pegões, Horácio Simões, José Maria da Fonseca, Quinta do Piloto e SIVIPA. Para Dezembro o crítico promete ainda voltar aos Vinhos da Península de Setúbal com os produtores José Maria de Fonseca e Bacalhôa.

No artigo Squires afirma ainda que ‘A região merece mais atenção’ e espera que esta série de artigos sobre os Vinhos da Península de Setúbal ‘ajude a mudar’ e a potenciar a dinâmica de exportações. Henrique Soares, Presidente da Comissão Vitivinícola da Península de Setúbal, não tem dúvidas que ‘o reconhecimento que a The Wine Advocate tem vindo a dar aos Vinhos da Península de Setúbal irá beneficiar as exportações, sobretudo no mercado americano. É uma importantíssima confirmação e garantia de qualidade que nos permite chegar ao mercado com mais argumentos e passar a barreira do desconhecimento’.

Informação relacionada

Deixar um comentário