Idanha apresenta 27 candidaturas na corrida às 7 Maravilhas de Portugal

Author: Share:

Já são conhecidas as aldeias candidatas às 7 Maravilhas de Portugal, concurso que este ano é dedicado às Aldeias. O Município de Idanha-a-Nova foi o que maior número de candidaturas submeteu: 27 para 21 povoações.

Foram apresentadas candidaturas a todas as sete categorias deste concurso nacional, incluindo a Aldeias de Mar, categoria em que Penha Garcia, fértil em vestígios fósseis, conta a história da vida nesta região há 480 milhões de anos, quando era um imenso mar onde reinavam as trilobites e seus predadores, num impressionante mundo de biodiversidade aquático.

A diversidade, a tradição e as potencialidades de todo o concelho estão, portanto, agora a concurso, nas categorias Aldeias-Monumento, Aldeias Autênticas, Aldeias Rurais, Aldeias Ribeirinhas, Aldeias em Áreas Protegidas, Aldeias Remotas e Aldeias de Mar.

Pela sua especificidade, Idanha-a-Velha, Monsanto e Penha Garcia concorrem em três categorias distintas. A estratégia para as restantes aldeias foi a candidatura à categoria onde demonstram maior potencialidade.

«Com esta candidatura pretendemos chegar a todo o País, e apresentar um Município alternativo aos centros urbanos, uma região plena de oportunidades. Nas nossas aldeias-candidatas encontramos património histórico, natural e gastronómico. Encontramos pessoas. Gente que aqui permaneceu, ou que confiou em nós e para cá se mudou no âmbito de programas de incentivo por nós lançados, como o Recomeçar. As nossas candidatas espelham uma Idanha inspirada e renovada, sem perder a tradição e a portugalidade que tão bem nos caracterizam», explica o Presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, acrescentando que é «um orgulho ser o Município com o maior número de candidaturas».

Fortes candidatas em todas as categorias, as 21 aldeias idanhenses beneficiam de uma estratégia de desenvolvimento apoiada na modernização da ruralidade, a par de um importante histórico no rol de distinções. A aposta na riqueza natural e histórico-cultural ímpar de Idanha-a-Nova, território UNESCO com uma ruralidade de excelência, faz parte da estratégia do Município. Idanha-a-Nova é, ainda, Cidade Criativa da UNESCO, no âmbito da Música, tem duas aldeias na Rede de Aldeias Históricas de Portugal e integra o Parque Natural do Tejo Internacional (Reserva da Biosfera da UNESCO) e o Geopark Naturtejo, Geoparque Mundial da UNESCO.

As candidatas Idanhenses às 7 Maravilhas de Portugal®:

  • Aldeias-Monumento (Idanha-a-Velha, Monsanto e Penha Garcia);
  • Aldeias Autênticas (Aldeia de Santa Margarida, Idanha-a-Velha, Medelim, Monfortinho, Monsanto, Penha Garcia e São Miguel de Acha);
  • Aldeias Rurais (Alcafozes, Ladoeiro, Monsanto, Oledo, Proença-a-Velha, Toulões e Zebreira);
  • Aldeias Ribeirinhas (Idanha-a-Velha e Termas de Monfortinho);
  • Aldeias em Áreas Protegidas (Rosmaninhal, Salvaterra do Extremo e Segura);
  • Aldeias Remotas (Cegonhas, Coutos do Correias, Soalheiras e Torre);
  • Aldeias de Mar (Penha Garcia).

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

four + one =