AccorHotels impulsiona desenvolvimento sustentável nos seus hotéis

Author: Share:

Os hotéis do Grupo AccorHotels em Portugal assumem um papel cada vez mais ativo no programa Planet 21, com a implementação de novas ações que visam melhorar o impacto ambiental das unidades e a maior proteção do meio ambiente. A maioria dos hotéis da ibis, Mercure, Novotel e Sofitel em Portugal já plantou a sua própria horta urbana e implementou várias ações que visam a diminuição do desperdício alimentar, o consumo mais sustentável de água e energia e a promoção da re-agroflorestação. Até 2020, irão chegar aplicações e ferramentas digitais inovadoras aos hotéis do Grupo a nível nacional, que prometem revolucionar a forma de atuação da hotelaria mundial, e que já estão a ser testadas em outros hotéis do Grupo no mundo.

Mais de 500 hortas urbanas

Presente em 1.700 cidades no mundo, a AccorHotels comprometeu-se a contribuir no desenvolvimento da agricultura urbana e a plantar mil hortas até 2020. Alguns meses depois do anúncio deste compromisso, já mais de 500 hortas foram plantadas no mundo: Lisboa, Paris, Bangkok, Roma, São Paulo, etc.

Em Paris, a AccorHotels assinou, em março, a Carta «Objetivo 100 hectares», que apoia o desenvolvimento de 100 hectares de telhados e muros vegetalizados.

Hotéis como o Mercure Paris Boulogne Porte de Saint-Cloud, com o apoio de uma ferramenta pedagógica de conceção de hortas, experimentaram também as técnicas inovadoras da agricultura urbana, tais como a aeroponia, uma espécie de cultura fora do solo, ou a hidroponia, uma cultura realizada num substrato neutro e inerte (areia, bolas de argila, lã de rocha, etc.). As primeiras colheitas estão previstas para junho deste ano.

Menos desperdício alimentar

38 hotéis em 13 países já implementaram soluções digitais para a luta contra o desperdício alimentar nas suas cozinhas e restaurantes. O dispositivo permitiu reduzir cerca de 60% do desperdício alimentar das cozinhas dos hotéis-piloto, o que representa um total estimado de 540.000 euros em poupança.

Em parceria com a sociedade Winnow, líder na luta contra o desperdício alimentar, o Pullman Dubai Creek City Center implementou na sua cozinha uma solução digital para pesar os seus alimentos antes de os deitar fora. Depois de um mês de utilização, reduziu os seus resíduos alimentares em 80%. Para este hotel de 317 quartos, as poupanças alcançadas representam até 400 dólares por semana.

Alguns hotéis recorrem ainda a outras soluções “anti-gaspi”. Assim, 20 hotéis Novotel, ibis, ibis Styles e Mercure em França usam a aplicação Too Good To Go, para propor aos habitantes e turistas refeições do dia que não foram vendidas, a preços muito acessíveis. Mais de mil refeições foram redistribuídas em alguns meses graças a esta solução inovadora.

Em 2017, o Grupo pretende desenvolver estes dispositivos a nível mundial.

Objetivo: neutralidade de carbono dos edifícios

Com o intuito de alcançar a neutralidade de carbono dos seus edifícios, o Grupo reduziu em 2,4% o seu consumo de energia e em 3% as suas emissões de CO2 num ano. Estes resultados são ainda mais encorajadores visto que se inserem num contexto climático particularmente desfavorável, com uma solicitação de aquecimento e climatização que aumentou mais de 4% a nível mundial entre 2015 e 2016.

Em França, à semelhança de JO&JOE Paris, o primeiro hotel com selo Baixo Carbono, 24 hotéis da região de Paris experimentam um “Plano Baixo Carbono”, testando um conjunto de dispositivos digitais para automatizar a recolha e a restituição das informações e agir sobre o consumo de água e energia.

Operação «Green Stars»: os clientes votam para eleger o hotel mais «verde»

Este ano, o «Planet 21 Day», encontro anual dos hotéis do Grupo para celebrar o Dia da Terra, é ocasião para uma mobilização excecional sobre o tema da restauração. Os hotéis são convidados a apresentar as suas melhores realizações em três categorias: luta contra o desperdício alimentar, implementação de hortas urbanas e a oferta de uma restauração sã e local. A seleção dos finalistas irá fazer-se através de uma campanha de votos nas redes sociais. Pela primeira vez, os clientes poderão votar no hotel mais “verde”.

Pub

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

one × 2 =