Quinta de S. José apresenta as suas novas colheitas

A Quinta de S. José, localizada no coração do Douro em Ervedosa, acaba de apresentar as novas colheitas dos seus vinhos das gamas Flor de S. José, com a colheita 2016, e Quinta de S. José, com a colheita de 2015. Este projeto familiar que remonta às origens da Dona Antónia Ferreira, pertence ao descentente da icónica Ferreirinha, o enólogo e produtor João Brito e Cunha e à sua mulher Sofia. Os vinhos da Quinta de S. José refletem a sua paixão pelo Douro e pelo rigor, respeitando a natureza e a identidade de um Terroir muito particular (onde se encontra a Qta de S.Jose e a Qta de Roriz) devido à existencia de Minas de Estanho hà muitos anos.

Com uma localização excecional, na margem esquerda do rio Douro e geograficamente entre o Pinhão e o Tua, a Quinta de S. José conta com uma extensão de vinha de 10 hectares que dão origem às diversas referências que constituem o seu portefólio. Em pleno Vale do Douro – Património Mundial da Humanidade – a quinta conta com uma forte inclinação do terreno, onde estão plantadas várias parcelas de vinha a diferentes altitudes, um solo bastante xistoso com vestígios de estanho e uma exposição a norte. É a conjugação destes fatores aliados à paixão da família pelo Douro e pelo vinho que marcam os vinhos que produzem.

O Quinta de S. José tinto, 2015 é um blend de castas da região – Touriga Franca (45%); Touriga Nacional (55%) e Tinta Roriz (5%). Provem das vinhas e parcelas da Quinta de S. José com maior altitude, entre os 250-300 metros.

Já o monocasta Quinta de S. José Touriga Nacional, tinto, 2015 traduz todo o potencial da Touriga Nacional, uma das mais nobres castas nacionais que, conjugada com o terroir muito particular da Quinta de S. José, dá um vinho com um perfil bem diferente, mais discreto, muito fresco e distinto.

O Quinta de S. José Reserva tinto, 2015 é um vinho de lote – (40%) das melhores parcelas de Touriga Nacional, dando frescura e vivacidade ao lote final, lotado com uma parcela de vinhas velhas com aproximadamente 50 anos (60%), contribuindo para dar complexidade e profundidade ao vinho.

O vinho Quinta de S. José Grande Reserva tinto, 2015 provêm da parcela de vinha mais velha da Quinta, com uma altitude entre os 100 e os 150 metros, feito totalmente em lagar, resultando num vinho cheio de carácter, muito elegante, distinto e complexo, profundo e muito persistente.

Os vinhos da gama Flor de S. José branco e Reserva 2016 são provenientes das zonas mais altas do Douro (altitude entre os 450 e 500 metros) permitindo uma boa amplitude térmica. Estas condições são favoráveis para uma maturação lenta de forma a preservar os aromas da casta, a sua frescura e acidez. O Flor de S. José branco 2016 é produzido com base em diferentes castas – Viosinho (30%), Rabigato (30%) e Gouveio (40%)- e já o Reserva branco 2016 provem de vinhas velhas com predominância de Rabigato e Gouveio.
As duas gamas de vinhos durienses fazem parte do portefólio da Quinta de S. José que inclui ainda o S.J. Vintage 2014, um vinho do Porto exuberante, com uma expressão distinta do terroir da Quinta de S. José.

Recomendado para si

Corrida Sempre Mulher regressa ao Parque das Nações, com Ton... Estão abertas as inscrições para mais uma edição da Corrida Sempre Mulher. O evento desportivo solidário que visa angariar fundos para a Associação Po...
O Dia Mundial do Pão celebra-se com a Fornada do Dia Hoje, para além de se comemorar o Dia Mundial do Pão, celebra-se também o Dia Mundial da Alimentação e a Fornada do Dia, marca exclusiva das lojas Min...
easyJet lança aplicação que permite marcar viagens com uma i... Look&Book é uma aplicação inovadora que permite que os viajantes façam reservas de voos apenas através de fotografias do Instagram A easyJet acab...
OLI apresenta a casa de banho perfeita na Exponor Esta semana, a OLI apresenta a casa de banho perfeita na 2ª edição da DECOR HOTEL, feira profissional de Equipotel, Construção, Produtos e Serviços pa...
Os amendoins nascem das árvores? Apesar de vivermos à beira-mar, a região Algarvia é rica em costumes relacionados com a terra e a agricultura. Terminou a época da apanha do amendoim ...
Nova Coleção Continente Pyrex Reflections Até 20 de janeiro de 2019, as lojas Continente vão disponibilizar, em exclusivo, um conjunto de produtos que vão facilitar a vida dos clientes na cozi...