Home | Casa e Decoração | Electrodomésticos | Artigos de opinião | Termostático ou tradicional? Eis a questão.

Termostático ou tradicional? Eis a questão.

Os esquentadores com tecnologia termostática recentemente introduzidos no mercado pelas principais marcas, têm gerado alguma dúvida e confusão junto dos consumidores, que se interrogam porque hão-de pagar mais por um esquentador que só serve para aquecer água.

Talvez os players através da comunicação não tenham conseguido fazer passar a mensagem, que se traduz em benefício seguro para o utilizador, rentabilizando em pouco tempo o investimento inicial.

Os esquentadores com tecnologia termostática são a solução perfeita para os utilizadores que procuram, num esquentador a gás, não apenas um aparelho que produz AQS mas um aparelho que cubra todas as necessidades com o máximo de conforto com o mínimo consumo. A tecnologia termostática, até há pouco reservada às caldeiras murais, oferece ao utilizador vantagens importantes relativamente às soluções tradicionais.

Os aparelhos termostáticos permitem que a água quente seja fornecida precisamente à temperatura seleccionada pelo utilizador. Deste modo reduzem-se significativamente os consumos de energia e de água e não se gera desperdício até que a temperatura de conforto se atinja. Por outro lado e quando utilizados em conjunto com instalações solares, estes aparelhos têm vantagens de apenas disponibilizarem a potência necessária para aquecer a água até ao valor remanescente seleccionado pelo utilizador. Acreditamos que esta seja a tecnologia correcta a usar neste tipo de instalações.

Selecção exacta da temperatura – O utilizador fixa a temperatura de conforto e o esquentador fornece a água a essa temperatura graças à regulação precisa da potência. Desta forma o utilizador disfruta não só de água quente à temperatura desejada mas também de máxima estabilidade.

Poupança de gás – A tecnologia termostática impede que a água aqueça acima da temperatura desejada não havendo, por isso, um consumo desnecessário de gás. Esta poupança varia segundo a utilização do aparelho e tipo de gás utilizado, permitindo poupar por ano até 85,00 € se tiver gás natural e até 150,00 € ano se utilizar gás butano/propano.

Poupança de água – A produção de AQS à temperatura exacta permite utilizar a água directamente sem necessidade de mistura. Nos esquentadores tradicionais este ajuste é feito pelo utilizador misturando água fria. Conseguir através desta mistura, água à temperatura desejada, implica um grande gasto de água (e gás) que se pode evitar adoptando a solução termostática. Se a temperatura de entrada da água for superior a 15ºc o esquentador dispõe de um selector de caudal que permite obter caudais superiores aos nominais, convertendo um modelo de 11 litros num aparelho capaz de chegar aos 14.3 litros/minuto ou a 18.2 litros no caso de um esquentador de 14 litros.

Nota: Os valores indicados têm por base a gama de esquentadores Green Plus atmoMAG exclusiv, da Vaillant.

Armando Oliveira – Director Comercial da MJM

Check Also

Portugal regista um Índice de Confiança dos mais altos de sempre

O clima continua positivo em Portugal. Os portugueses estãoconfiantes e disponíveis para gastar. A saúde, …