8 °C Lisbon, PT
2019-01-17

YouTube apela à denúncia de vídeos com conteúdo impróprio

Por que motivo é importante denunciar vídeos

O YouTube permite que as pessoas partilhem as suas histórias com o mundo, independentemente do local onde se encontram. As pessoas partilham o seu estado de espírito, os seus talentos, as suas opiniões, o que está a acontecer à sua volta e também com elas próprias. O YouTube é também uma comunidade e, ao longo dos anos, os utilizadores têm utilizado a funcionalidade Relatório que aparece por baixo dos vídeos e feito comentários aos vídeos, ajudando a reportar o conteúdo que acreditam estar a violar as nossas Regras da Comunidade. 

O YouTube quer fazer com que a comunidade possa perceber melhor como funciona esta funcionalidade e como pode ser envolvida para manter as directrizes da comunidade. Para lançar alguma luz sobre como a sinalização dos vídeos tem ajudado a manter o YouTube uma plataforma onde a liberdade e a expressão criativa estão em perfeito equilíbrio com a responsabilidade, revelamos alguns dos dados mais recentes:

  • Mais de 90 milhões de pessoas sinalizaram vídeos no YouTube desde 2006 – representa mais do que a população do Egipto – e mais de um terço destes utilizadores denunciou mais do que um vídeo.
  • À medida que o YouTube vai crescendo, a comunidade continua a ser bastante activa no que diz respeito à denuncia de conteúdo impróprio: o número de sinalizações diárias tem aumentado 25% ano após ano.
  • Esta comunidade é também internacional: pessoas oriundas de mais 240 países já sinalizaram vídeos. Os países que revelam as taxas mais elevadas são: Indonésia, Turquia, Alemanha, Ucrânia e França.
  • Só em 2015, o YouTube removeu 92 milhões de vídeos por violação das suas políticas por via de sinalizações e da nossa tecnologia de detecção de spam. Ao mesmo tempo que estamos vigilantes e somos rápidos na remoção de conteúdo terrorista e de incitamento ao ódio, é importante relembrar que, actualmente, estes representam uma pequena proporção de conteúdos que violam as nossas regras – estas duas formas de violação apenas representam 1% dos vídeos removidos em 2015.

No processo de sinalização, o utilizador pode logo indicar qual a política que acha que o vídeo viola, de spam aos conteúdos sexuais, violentos ou de assédio. Isto ajuda a localizar e a rever o conteúdo sinalizado de uma forma mais eficiente e efectiva:

O YouTube formou equipas, fluentes em vários idiomas, que revêem cuidadosamente as denúncias 24 horas por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano nos vários fusos horários de todo o mundo. Estas equipas removem conteúdos que violam os nossos termos, limitam conteúdos por idade que pode não ser apropriado para todos os públicos e mantêm conteúdos que ainda não “pisaram” nenhuma linha vermelha. À medida que o YouTube continua a crescer globalmente, continuamos a escalar os nossos recursos para aplicação das nossas políticas de modo a ir ao encontro das necessidades dos utilizadores enquanto comunidade. 

Contudo, o conteúdo sinalizado não é removido automaticamente. O YouTube é uma importante plataforma global para informação e para noticias e as nossas equipas avaliam os vídeos antes de tomarem qualquer acção de modo a proteger o conteúdo que possa ter um propósito educacional, documental, científico ou artístico. 

O YouTube tem em conta as leis locais dos países onde trabalha e se receber um pedido legal de remoção cujo conteúdo viole uma lei local, restringe aquele conteúdo no domínio local do país. Poderá obter mais informação sobre as políticas de remoção de conteúdo no Relatório de Transparência da Google . Da mesma forma que, se removermos o conteúdo por razões de violação de políticas na sequência de uma ordem judicial, vamos incluir este dado no nosso relatório de transparência.  

O YouTube quer encorajá-lo a continuar a sinalizar vídeos e esperamos que esta breve explicação sobre como funciona este sistema de sinalização de aplicação das nossas políticas ajude os utilizadores a continuarem a sinalizar vídeos de forma responsável. Para mais informação acerca destes processos, visite o Centro de Politicas e Segurança.

Recomendado para si

Lexus Portugal regista recorde de vendas em 2018 A Lexus Portugal registou em 2018 560 matrículas, o que representa um crescimento de 107 matrículas comparativamente a 2017. 100% das vendas Lexus em...
Vodafone vai instalar antena 5G na Faculdade de Engenharia da Universi... A Vodafone Portugal vai instalar uma antena 5G na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP). A iniciativa acontece na sequência da adesã...
5 motivos para adorar lâmpadas inteligentes As lâmpadas inteligentes permitem recriar atmosferas de acordo com a nossa disposição. A iluminação que idealizamos para uma festa com os amigos é com...
Lenovo lança os portáteis mais inteligentes de sempre na CES 2019 A Lenovo anuncia o lançamento dos novos Yoga S940, Yoga A940 e Yoga C730, desenvolvidos para oferecer maior capacidade de resposta à evolução das nece...
Redescubra o vinil com os DP-400 e DP-450USB da Denon A Denon acaba de lançar dois novos gira-discos dedicados aos fãs do vinil que procuram uma solução moderna capaz de reproduzir fielmente o som clássic...
Televisões da Samsung com suporte para iTunes e AirPlay 2 a partir da ... A Samsung Electronics anunciou que, a partir da primavera, irá disponibilizar nos seus modelos Smart TV de 2019 a nova aplicação Filmes e Programas de...