Lufthansa despede-se da sua frota Boeing 737

É o fim duma era para a Lufthansa de quase 50 anos. Um B737-300, com a matrícula D-ABEC (“Karlsruhe”), voou de Frankfurt para Hamburgo esta manhã no voo especial LH9922, com o qual a frota B737 da Lufthansa se despediu oficialmente durante uma cerimónia conjunta com a Lufthansa Technik. Após a cerimónia, o comandante Ulrich Pade, chefe da frota, e a sua tripulação irão viajar esta tarde de regresso a Frankfurt, levando a bordo um grupo de jornalistas e de funcionários. O voo aterrará às 17h10 (hora local).

“A Lufthansa tem tido sempre aproximações inovadoras para ir ao encontro das necessidades dos seus clientes e aproveitar oportunidades de mercado, o que explica o papel chave que teve na criação e desenvolvimento do B737. Iremos continuar esta aproximação inovadora com a última geração de aviões”, referiu Harry Hohmeister, membro do Conselho Executivo e Diretor da Gestão de Placa Giratória.

Durante várias décadas, a Lufthansa teve um total de 148 aviões B737 de praticamente todas as gerações. No início dos anos 1960, o então CEO da Lufthansa Technik, Professor Gerhard Höltje, deu um grande empurrão ao projeto, tendo apoiado um desenvolvimento conjunto com a Boeing de um avião a jato para pequeno e médio curso. O desenho da cabina e o posicionamento dos motores debaixo das asas do avião só existiam à época nos aviões de longo curso.

Um livro infantil dos anos 1960 descrevia o Boeing 707 como o pai do Boeing 707 e o B727 como a mãe de um pequeno jato chamado “Bobby”. Este nome pegou. “O B737 sempre foi chamado “Bobby” pelos empregados da Lufthansa e por fãs de aviões. Muitos passageiros e empregados associam uma época muito especial a este modelo de avião. Queremos agradecer ao B737 por quase 50 anos de operações fiáveis e bem sucedidas”, disse Klaus Froese, CEO da Lufthansa com o pelouro da Placa Giratória de Frankfurt.

Com o início do horário de inverno, os restantes aviões B737-300 tiveram os seus últimos voos comerciais a 29 de outubro. Nas próximas semanas, os aviões serão transferidos para a Flórida onde serão revendidos. No futuro, a Lufthansa irá operar um único tipo de aviões nos seus serviços continentais, o que irá proporcionar muitas sinergias em diversas áreas, como o licenciamento de pilotos, tripulação de cabina e planeamento e fornecimento de peças sobressalentes. A família de aviões A320 da Lufthansa é composta atualmente por aproximadamente 150 aviões A319, A320 e A321, incluindo quatro aviões da última geração, o A320neo.

A 19 de fevereiro de 1965, a Lufthansa foi a primeira companhia aérea do mundo a comprar 22 aviões Boeing 737-100s. Quase três anos depois, a 4 de fevereiro de 1968, a Lufthansa aterrou o primeiro B737 em Hamburgo. Em pouco tempo, o Boeing 737 tornou-se o tamanho normal para aviões de pequeno curso. Além do B737-200 em diversas versões para passageiros e para carga, o primeiro B737-300 foi entregue à Lufthansa em 1986, oferecendo muito conforto, consumo eficiente de combustível e baixos níveis de ruído, comparado com outros aviões da época.

Em maio de 1988, os primeiros copilotos foram treinados para voar o B737, que foi também o primeiro avião a testemunhar a reunificação das duas Alemanhas, sendo o primeiro avião a aterrar na antiga RDA, no aeroporto de Leipzig. Pouco tempo depois, a 2 de outubro de 1990, o primeiro voo da Lufthansa com o B737 “Sindelfingen” descolou de Berlim Ocidental. No verão de 2016, o B737 recebeu as suas últimas honras quando o B737 com a matrícula D-ABEK recebeu as cores do “Fanhansa Airbus” e transportou a seleção alemã para França.

Recomendado para si

Réveillon no Hotel Quinta da Marinha Resort sugere uma noite... O Hotel Quinta da Marinha Resort, unidade hoteleira do Grupo Onyria, apresenta programa especial de Réveillon com estadia incluída que pode ir até trê...
Pousadas de Portugal premiadas na XVII Gala Mais Alentejo Pousadas de Portugal foram premiadas na XVII Gala Mais Alentejo, em reconhecimento do esforço promocional em prol do turismo no Alentejo e do contribu...
Natal e Réveillon ao ritmo de Cuba no Pine Cliffs Resort Natal e Passagem de Ano aos ritmos de Cuba. Sob o lema "uma noite em Havana" o Pine Cliffs Resort traz a música e tradições cubanas para duas das noit...
Réveillon no Anantara Vilamoura O último dia do ano merece ser celebrado de forma emocionante e num ambiente de puro luxo. As propostas exclusivas do Anantara Vilamoura, o prestigiad...
The Yeatman Hotel: receber o inverno no refúgio ideal do con... O Spa Vinothérapie Caudalie do The Yeatman é o refúgio ideal para este inverno. Conheça os três programas cuidadosamente preparados para que possa res...
Tivoli Carvoeiro eleito como um dos melhores da Europa pela ... O Tivoli Carvoeiro, o luxuoso resort localizado numa das zonas mais bonitas e emblemáticas do Algarve, acaba de ser reconhecido pelos Condé Nast Johan...