11 °C Lisbon, PT
2019-01-16

Aldeias vão ter 7 Maravilhas

A eleição das 7 Maravilhas – Aldeias de Portugal marca o regresso das 7 Maravilhas na promoção da identidade nacional.

“Acreditamos que Portugal deve apostar naquilo que tem de único: um património cultural e natural inigualável. A eleição das 7 Maravilhas – Aldeias de Portugal, numa altura em que estamos empenhados na promoção da atividade turística em todo o território e na desconcentração da procura, será mais um fator de atração e de dinamização do turismo, levando também os portugueses a redescobrir Portugal”, refere Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo. “A dinamização turística das aldeias portuguesas é um instrumento para valorização e divulgação da oferta turística e dos produtos locais nas várias regiões portuguesas, que pode ser uma importante alavanca para criar riqueza e emprego, contribuindo para o reforço da coesão territorial e social”, acrescenta.

As 7 Maravilhas são um dos maiores ícones de promoção turística nacional, um conceito mobilizador de milhões de pessoas em todo o mundo. Passaram 10 anos desde a primeira eleição, a 07.07.2007 no Estádio da Luz, com as Novas 7 Maravilhas do Mundo® e as 7 Maravilhas de Portugal®. Desde então o conceito promoveu o património histórico de origem portuguesa no mundo, a natureza, a gastronomia e as praias portuguesas.

A última eleição no nosso país teve lugar em 2012, com as 7 Maravilhas – Praias de Portugal®. As eleições 7 Maravilhas® são casos de sucesso de participação pública, com temas que marcam a agenda nacional. As Aldeias são o património nacional a promover em 2017, entendidas nesta eleição “como um lugar vivo, um espaço de comunidade, com uma vivência quotidiana de trabalho, de partilha, de identidade territorial e de memória colectiva” (como consta em Regulamento).

As candidatas a 7 Maravilhas – Aldeias de Portugal® são organizadas em 7 categorias e as 7 vencedoras serão apuradas pelo maior número de votos, uma por categoria, não podendo ser eleitas mais do que três aldeias por região.

As categorias são: Aldeias com História; Aldeias de Mar; Aldeias Ribeirinhas; Aldeias Rurais; Aldeias Remotas; Aldeias Autênticas; e Aldeias em Áreas Protegidas. Qualquer aldeia pode candidatar-se em múltiplas categorias.

As candidaturas decorrem entre o período de 7 de Dezembro de 2016 a 7 de Março de 2017.

Recomendado para si

Banguecoque volta a ser o destino turístico mais visitado em 2018 Pelo terceiro ano consecutivo, a MasterCard volta a considerar Banguecoque como o principal destino turístico do mundo. Mas, não foi só enquanto desti...
Ocean Cay MSC Marine Reserve: Um Paraíso nas Caraíbas Vistas panorâmicas sobre o Oceano, águas cristalinas, praias de areia branca e macia debaixo do céu azul – este sonho paradisíaco tornar-se-á numa rea...
Agora é mais fácil marcar mesa numa Pousada de Portugal Marcar mesa no restaurante de uma Pousada de Portugal é agora mais fácil e rápido, basta aceder ao site da marca, consultar a disponibilidade e fazer ...
Monverde Wine Experience Hotel aumenta número de quartos em 50% e est... O Monverde Wine Experience Hotel, gerido desde o final de 2016 pela Unlock Boutique Hotels, acaba de anunciar um projeto de renovação e ampliação da o...
Descubra este inverno os Pirineus de Lleida (Lérida) As 11 estâncias de ski dos Pirineus oferecem para esta nova temporada 500 km de ski, com 245 pistas alpinas e inúmeros itinerários nórdicos, 110.584 v...
Savoy Saccharum propõe fins de semana detox até ao final de janeiro O programa de fins de semana de janeiro promete ser um retiro para o corpo e a mente, com momentos revitalizantes e relaxantes, que libertam stress e ...