Quanta Terra 2007: o que esperar de um branco dez anos depois?

O projeto Quanta Terra, a concretização de um sonho dos enólogos Celso Pereira e Jorge Alves, encontrou no planalto de Alijó, no Douro Superior, a tela em branco para as suas criações. É aqui, a cerca de 650 metros de altitude e com solos de transição entre xisto e granito, que encontraram o terroir certo para produzir vinhos mais frescos e com maior acidez.

Um dos capítulos desta história, contada a duas vozes, escreveu-se em 2007, ano em que foi produzido o primeiro vinho branco do produtor. À margem do desafio de se lançarem na aventura de criar um vinho branco na região, na altura ainda dominada pelos tintos, Celso Pereira e Jorge Alves enfrentaram um dos anos mais atípicos na viticultura.

O inverno chuvoso e a primavera húmida antecipavam uma colheita difícil onde qualidade e quantidade estariam comprometidas. Contudo, o verão fresco com temperaturas consistentes, aliado a técnicas de agricultura preventiva, permitiu que a maturação da uva fosse lenta e perfeita, abrindo caminho a uma vindima sem contratempos e com qualidade fora do comum.

A colheita de 2007 é, por isso, considerada uma das melhores da década para tintos e, em particular, para brancos, revelando todo o potencial da região. O décimo aniversário do Quanta Terra Grande Reserva Branco, primeiro e único branco do produtor, será assinalado com um relançamento deste vinho exclusivo em quantidades muito limitadas. Serão apenas disponibilizadas 300 garrafas.

A boa performance deste vinho, guardado durante uma década, confirma-se ao primeiro contacto. Elaborado a partir das castas Viosinho e Gouveio, apresenta-se com aromas intensos, notas de fruta de pomar a baunilha. Na boca é intenso, equilibrado e de boa estrutura, à qual se junta uma elegante acidez.

O Quanta Terra Grande Reserva Branco 2007, um vinho que exigiu e mereceu tempo e paciência, chega ao mercado em exclusivo pela OnWine Distribuição Nacional.

Recomendado para si

Aguardente Mosca ressurge 30 anos depois Trinta anos depois, a José Maria da Fonseca relança a famosa e prestigiada Aguardente MOSCA, um ícone dos destilados criado em 1937. Esta Aguardente v...
Cocorico apresenta novos pratos para as estações mais frias... A Cocorico Luxury GuestHouse e Restaurante apresenta a nova Carta, elaborada cuidadosamente pela Chef francesa Flora Mikula, a pensar nas estações mai...
Intermarché chega às 250 lojas em Portugal O Intermarché, insígnia alimentar do Grupo Os Mosqueteiros, atinge o marco das 250 lojas em Portugal. O novo espaço comercial inaugura no próximo dia ...
Três Chef’s assinam jantar no Azor Hotel Cláudio Pontes, Chef residente do restaurante À TERRA do Azor Hotel, convida o Chef Pedro Lemos do Homónimo, um dos mais conceituados restaurantes do ...
Novos sabores no Rib Beef & Wine Lisboa O RIB BEEF & WINE LISBOA preparou uma nova carta repleta de sabores intensos e acolhedores, com assinatura do chef Luís Rodrigues, inspirados na c...
Nova imagem dos Borges Reservas assinala aposta na exclusivi... A Sociedade dos Vinhos Borges renovou a imagem da gama Borges Reservas, que reflete a antiguidade da marca e o caráter dos vinhos. Esta novidade acomp...