20 °C Lisbon, PT
2019-03-22

Estudo revela preconceito em relação às mulheres bonitas

Será possível ser-se bonita e médica? Segundo o mais recente estudo da marca Cien sobre perceções associadas à beleza feminina, a maioria dos entrevistados considera que “não”.

Apostada em provar que a beleza pode ser inteligente, Cien, a marca de higiene e beleza exclusiva do Lidl, promoveu um estudo quantitativo junto de uma amostra bipartida, entre homens e mulheres.

Desenvolvido pela Ipsos Apeme, uma empresa líder na análise e estudo de mercados, tendências e comportamento dos consumidores, através da apresentação das suas fotografias, este estudo desafiou os entrevistados, com idades entre os 18 e os 55 anos, a identificar as profissões e habilitações literárias de um conjunto de mulheres. Metade, eram mulheres particularmente bonitas e a outra metade, mulheres comuns. Os resultados revelam a existência de alguns preconceitos sobre a mulher e a sua beleza e reforçam a influência da imagem na perceção do que é uma mulher inteligente.

Pub

Cerca de dois terços dos entrevistados (62%) respondeu que as mulheres “bonitas” seriam modelos, hospedeiras ou promotoras. Este resultado é especialmente notório no caso dos homens entrevistados, subindo a percentagem para 65%.

Por oposição, no caso das mulheres ditas “comuns”, cerca de 62% dos homens entrevistados respondeu que estas deveriam ter cursos superiores e 70% que deveriam ter profissões associadas a habilitações literárias superiores (como Juíza, Engenheira ou Executiva).

Quando questionados sobre as habilitações académicas das fotografadas, metade da amostra total (50%) acha que as mulheres não têm curso superior. Ao analisarmos as respostas por género, descobrimos que 48% das participantes do sexo feminino assumiu que as mulheres “bonitas” não tinham mais do que um curso técnico e 58% achou que eram todas modelos, hospedeiras ou promotoras.

Por oposição, as respostas relativas às fotos de mulheres “comuns” revelaram que, no caso dos homens, 51% achou que as mulheres particularmente bonitas tinham apenas um curso técnico ou inferior, ao passo que dois terços achou que as mulheres mais comuns teriam curso superior.

Foi também confirmada a existência de um fosso geracional: quanto mais velhos os entrevistados, maior a probabilidade de acharem que as habilitações serão mais baixas. Assim 53% dos entrevistados entre os 45 e os 55 anos achou que estas mulheres não teriam mais do que um curso técnico enquanto que apenas 44 % dos entrevistados com idades compreendidas entre os 18 e os 24 achou o mesmo.

Este estudo Cien comprova a existência de um preconceito e desafia as pessoas a refletirem sobre as suas ideias pré-definidas, revelando que a beleza e a inteligência podem andar de mão dada.

METODOLOGIA DO ESTUDO
Natureza: Quantitativa, utilizando como base de recolha de informação questionários aplicados online ao painel de questionários online Ipsos Apeme.
Target: Indivíduos de ambos os sexos, com idades compreendidas entre os 18 e os 55 anos.
Amostra: 302 entrevistas distribuídas por quotas de sexo, idade e região, considerando quatro grupos etários (18-24 anos, 25-34 anos, 35-44 anos e 45-55 anos) e 3 grandes regiões (Grande Lisboa, Grande Porto e Resto do País).
Margem de Erro: Para um intervalo de confiança de 95% a margem de erro é:
– total da amostra (n=302): +/- 5,6%, dividida equitativamente entre género masculino e feminino
Data de Recolha da Informação: De 10 a 17 de Abril

Recomendado para si

Coleção “Absolus d’Orient” da Guerlain apresenta o Cuir Intense... A coleção “Absolus d'Orient” da Guerlain, que representa um novo sonho oriental moldado pelos aromas de bálsamos preciosos, madeiras raras, especiari...
Tendência Athleisure continua a marcar o posicionamento da Sportzone A Sport Zone apresenta a coleção Primavera/Verão, a temporada mais cobiçada da moda desportiva. Uma marca antes assente no mundo do desporto, hoje te...
Portuguesa Pagaqui já carrega os novos passes Navegante A Pagaqui, empresa portuguesa que atua no setor de pagamentos, vai realizar carregamentos dos novos passes Navegante. A partir de hoje, é possível ca...
“Os novos perfis e tendências de recrutamento no setor de retalho.”... O retalho é, sem dúvida, uma área dinâmica onde a crescente evolução tecnológica traz consigo, não só um grande leque de oportunidades, mas também in...
Confraria celebra aniversário com fusão de sabores do Japão e Ocidente... A Confraria celebra 11 anos de existência e sucesso com uma nova carta e um rebranding. Utilizando ingredientes de elevada qualidade, inspirados ...
Persil lança versão Premium com tecnologia de suavização de vincos Persil Premium Limpo & Suave chega às lojas para facilitar o dia-a-dia dos portugueses. O novo detergente líquido contém uma fórmula superior que...