“PODER – Veneno e Remédio” por Ana Guinote, Arménio Rego e Miguel Pina e Cunha

A editora LIDEL apresenta a sua nova obra “PODER – Veneno e Remédio” escrito por Ana Guinote, Arménio Rego e Miguel Pina e Cunha, reconhecidos especialistas nas temáticas de liderança, relações sociais e gestão.

O Poder é uma palavra incómoda. Pode traduzir-se em bem ou mal, pode ser uma força com objetivos corruptos ou para alcançar a paz, tudo depende de quem pratica o ‘poder’. É esta separação que esta nova obra pretende fazer: o poder só é corrompido consoante o uso que dele se faz.

Na história da humanidade, são inúmeras as personalidades que usaram (e outras que ainda usam) o poder em prol de um bem maior, como é o caso de Nelson Mandela, Dalai Lama, Martin Luther King ou até mesmo do atual Papa Francisco. Mas, tal como há pessoas que usam a sua posição de renome para prosseguirem missões valorosas, há também muitos exemplos do oposto.

Com este livro, os autores pretendem debater os vícios e virtudes do poder e de quem o detém, e de como este altera inevitavelmente as pessoas, o seu comportamento e forma de estar.

“O poder não assenta apenas em atributos pessoais. É também, ou sobretudo, um fenómeno relacional. Por conseguinte, manter e desenvolver o poder requer que o poderoso tenha a capacidade para se gerir a si próprio e para gerir as relações com os outros.”
In Nota de Abertura do Capítulo 5

“O poder nem sempre está no palco, sob os holofotes. Se queremos compreender os meandros do poder, devemos prestar atenção redobrada aos bastidores. Uma grande fatia do poder reside, por vezes, nas eminências pardas, nas entidades que, embora desprovidas de poder formal, têm influência real e mexem os cordelinhos.”
In Capítulo 9

Uma obra de reflexão que mostra os jogos de poder que hoje existem, mas que são impossíveis de contornar, visto que o poder é um elemento social bastante enraizado e que deriva das relações sociais.

Principais conteúdos:
• O que é o poder;
• De onde vem o poder?
• O (des)poder subindo à cabeça;
• Ganhando poder;
• Mantendo e desenvolvendo o poder: o poderoso em diálogo consigo próprio e com os outros;
• Mantendo e desenvolvendo o poder: o poderoso e a realidade real;
• Perdendo poder;
• Dizer adeus ao poder é uma arte difícil;
• 33 Lições condensadas sobre o poder.

Recomendado para si

«Literatura Tradicional Portuguesa», uma antologia de José V... Depois de O Livro Português das Fábulas, José Viale Moutinho traz-nos agora Literatura Tradicional Portuguesa, uma riquíssima obra ilustrada que reúne...
Viagem mágica no Parque Encantado do LoureShopping É já dia 1 de dezembro que o Natal chega ao Parque Verde do LoureShopping num verdadeiro espetáculo de luz e cor, com mais de 15 mil metros quadrados ...
“De Pequenino se cria um Nicolino” no GuimarãeShopping É já a partir do dia 15 de novembro que GuimarãeShopping promove uma venda solidária de Nicolinos. “De Pequenino se cria um Nicolino” é uma iniciativa...
Xbox Portugal presente na Lisboa Games Week A Lisboa Games Week, que arranca já no próximo dia 15 de novembro na FIL, em Lisboa, volta a contar com a Xbox. No palco do maior evento de Gaming em...
The Oitavos recebe concerto intimista dos The Black Mamba Depois da estreia com Tiago Bettencourt em 2017, o hotel The Oitavos, em Cascais, abre as suas portas pelo segundo ano consecutivo, para o concerto in...
Louise Hay, o poder das palavras num oráculo exclusivo Desaparecida em agosto do ano passado, Louise Hay é uma autora de renome e prestígio mundial, que deixa um imenso legado na área do desenvolvimento pe...