17 °C Lisbon, PT
2019-02-22

Consumidores valorizam a atitude das marcas

A diversidade e a sustentabilidade têm impacto na decisão de compra

Um estudo recentemente divulgado pela Nielsen revela que os consumidores valorizam as atitudes e comportamentos das marcas e estão realmente dispostos a pagar mais por marcas comprometidas com a diversidade e a sustentabilidade.

Segundo este inquérito online, 77% dos portugueses admitem que o facto de uma marca lutar contra leis discriminatórias poderá ter impacto na sua decisão de compra. Neste sentido, os consumidores mostram-se preocupados com a diversidade e acreditam que a comunicação e as embalagens das marcas deveriam refletir uma sociedade heterogénea. Os portugueses em especial (comparativamente com a média europeia) assumem que a publicidade e o packaging dos produtos deveriam refletir mais os diferentes tipos de corpo (55%), as incapacidades físicas ou mentais (53%), as pessoas idosas (53%), as diversas origens, culturas, etnias ou raças (47%), as famílias não tradicionais (47%), as variadas religiões (41%) e as diferentes orientações sexuais ou identidades de género (40%), entre outros. A maioria dos consumidores portugueses admite mesmo que alguns destes aspetos impacta a sua decisão de compra.

Que outras atitudes têm impacto na decisão de compra?

O apoio da economia local pode ser um fator decisivo para 86% dos portugueses (comparativamente com 72% dos europeus) assim como o suporte a causas ambientais (85%) e sociais (84%) ou a prática de ações comerciais justas e transparentes (84%). Especificamente no que diz respeito aos produtos alimentares, os consumidores nacionais admitem a importância dos ingredientes ou sabores que vão ao encontro das suas culturas (72%) e religiões (55%).

Pub

“Tal como temos vindo a observar nos últimos anos, o consumidor português mostra-se especialmente impactado por diversos atributos que vão muito para além do preço. Com melhorias significativas da propensão para o consumo e da confiança dos consumidores, esta tendência tem vindo a acentuar-se e há maior disponibilidade para pagar mais por atributos que cumpram as expectativas e necessidades de cada um. As atitudes e comportamentos das marcas, que se manifestam a partir da comunicação e das embalagens, são valorizadas pelos portugueses, que não só se mostram comprometidos com a diversidade e a sustentabilidade como ainda admitem que estas variáveis impactam de facto a sua decisão de compra”, explica Ana Paula Barbosa, Retailer Services Director da Nielsen.

Recomendado para si

Kapten passa a estar presente no Google Maps em Portugal Com o objetivo de otimizar e melhorar a qualidade dos seus serviços, a Kapten permite, a partir de agora, que os utilizadores do Google Maps possam se...
ambarscience com novos brinquedos de madeira para maiores de 3 anos A ambarscience amplia o seu portefólio de brinquedos para os pequenos exploradores e cientistas com mais de 3 anos ao lançar 6 novidades educativas e ...
Novidades Sephora da marca de skincare Patchology Nesta primavera as lojas físicas e online da Sephora vão ter o novo gel hidratante de uso diário AquaFlash da Patchology. Este luxuoso gel à base de á...
Brasmar entre os patrocinadores do Concurso Chefe Cozinheiro do Ano O Concurso Chefe Cozinheiro do Ano chega, em 2019, à 30.ª edição e vai ter Bacalhau, Polvo e Camarão da Brasmar à disposição dos concorrentes. São tr...
Akilhiver, com nova imagem, atua no combate a frieiras e gretas Akilhiver, que apresenta uma nova imagem, é a solução para as frieiras e as gretas que com o frio começam a aparecer sendo o desconforto que causam di...
Manuel Alvarez assume presidência da Associação Portuguesa de Franchis... A Associação Portuguesa de Franchising (APF) tem um novo presidente. Manuel Alvarez, presidente da RE/MAX Portugal, a maior rede de franchising no paí...