11 °C Lisbon, PT
2018-12-17

Consumidores valorizam a atitude das marcas

A diversidade e a sustentabilidade têm impacto na decisão de compra

Um estudo recentemente divulgado pela Nielsen revela que os consumidores valorizam as atitudes e comportamentos das marcas e estão realmente dispostos a pagar mais por marcas comprometidas com a diversidade e a sustentabilidade.

Segundo este inquérito online, 77% dos portugueses admitem que o facto de uma marca lutar contra leis discriminatórias poderá ter impacto na sua decisão de compra. Neste sentido, os consumidores mostram-se preocupados com a diversidade e acreditam que a comunicação e as embalagens das marcas deveriam refletir uma sociedade heterogénea. Os portugueses em especial (comparativamente com a média europeia) assumem que a publicidade e o packaging dos produtos deveriam refletir mais os diferentes tipos de corpo (55%), as incapacidades físicas ou mentais (53%), as pessoas idosas (53%), as diversas origens, culturas, etnias ou raças (47%), as famílias não tradicionais (47%), as variadas religiões (41%) e as diferentes orientações sexuais ou identidades de género (40%), entre outros. A maioria dos consumidores portugueses admite mesmo que alguns destes aspetos impacta a sua decisão de compra.

Que outras atitudes têm impacto na decisão de compra?

O apoio da economia local pode ser um fator decisivo para 86% dos portugueses (comparativamente com 72% dos europeus) assim como o suporte a causas ambientais (85%) e sociais (84%) ou a prática de ações comerciais justas e transparentes (84%). Especificamente no que diz respeito aos produtos alimentares, os consumidores nacionais admitem a importância dos ingredientes ou sabores que vão ao encontro das suas culturas (72%) e religiões (55%).

“Tal como temos vindo a observar nos últimos anos, o consumidor português mostra-se especialmente impactado por diversos atributos que vão muito para além do preço. Com melhorias significativas da propensão para o consumo e da confiança dos consumidores, esta tendência tem vindo a acentuar-se e há maior disponibilidade para pagar mais por atributos que cumpram as expectativas e necessidades de cada um. As atitudes e comportamentos das marcas, que se manifestam a partir da comunicação e das embalagens, são valorizadas pelos portugueses, que não só se mostram comprometidos com a diversidade e a sustentabilidade como ainda admitem que estas variáveis impactam de facto a sua decisão de compra”, explica Ana Paula Barbosa, Retailer Services Director da Nielsen.

Recomendado para si

Continente diz adeus à fatura em papel e olá à fatura eletrónica O Continente é o primeiro retalhista alimentar em Portugal a lançar o serviço de fatura eletrónica, uma inovação que permitirá aos clientes da marca n...
FILA apresenta a edição limitada “Italy Pack” V94M em lojas selecionad... No seguimento da sua estratégia de lançamentos exclusivos, a FILA acaba de lançar uma edição limitada do modelo V94M. Originalmente lançado em 1994 er...
Hotéis DHM com programa especial para Passagem de Ano As 12 badaladas mais importantes do ano estão quase a ecoar e o Grupo DHM (Discovery Hotel Management) tem tudo preparado para tornar a entrada em 201...
Forum Montijo e Forum Sintra lançam cartão oferta para acertar no sapa... Para os indecisos nas compras, para os que não gostam de correrias, para os que não conhecem as preferências pessoais dos adolescentes da família, mas...
Sete características surpreendentes do novo Lexus UX Com a chegada das primeiras unidades no início de 2019, os condutores do novo UX terão o prazer de conduzir um crossover com tecnologia criativa conju...
Centro Vasco da Gama disponibiliza Serviço de Armazenamento de Bagagen... Acabou de chegar de viagem e não sabe onde deixar os seus pertences? Agora, através do serviço Luggage Home, os visitantes do Centro Vasco da Gama já ...