15 °C Lisbon, PT
2018-12-16

Exportações de Vinhos da Península de Setúbal sobem 45% nos países terceiros

A região da Península de Setúbal exportou, até setembro deste ano, 3 milhões 729 mil litros de vinho para países terceiros, um aumento de mais de um milhão de litros face ao mesmo período em 2016. O aumento homólogo de 45% deve-se à recuperação das exportações em mercados como Angola e à manutenção da tendência de crescimento em mercados como o Brasil, China e Canadá.

Depois de uma descida acentuada nas exportações para Angola, nos últimos três anos, os vinhos da Península de Setúbal têm vindo a procurar reorientar a sua exportação para outros mercados e a procurar crescer em mercados onde a sua quota já era relevante. Nos primeiros nove meses deste ano registou-se um aumento de 371.4% das exportações para Angola face ao período homólogo. Já no mercado brasileiro a tendência de aumento volta a repetir-se este ano, com mais 20,5% de volume exportado, o mesmo acontece na China com mais 25,2% de exportações que o mesmo período em 2016. No topo dos países terceiros que mais importam vinhos da Península de Setúbal estão Angola, Brasil, Canadá, China, E.U.A., Noruega, México e Japão, que representam 98.03% do volume total de vinho exportado para fora da União Europeia.

Para Henrique Soares, Presidente da Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal “Este bom resultado é fruto do investimento das empresas nos principais países de destino nos últimos anos, suplementado pelos investimentos da Região e da Viniportugal”.

Pub

Diante deste crescimento, a Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal (CVRPS) pretende seguir com o investimento nos mercados brasileiro e chinês. Se este volume de exportações for mantido, os vinhos da Península de Setúbal poderão inclusive fechar o ano de 2017 com um recorde de vendas no mercado brasileiro. “Será fantástico, uma confirmação da importância do Brasil para a nossa região. Os nossos planos de promoção são anuais e dependem também do financiamento da União Europeia. Mesmo assim, o Brasil continuará a ser, cada vez mais, uma das prioridades para obter um crescimento sustentável para as empresas da Península de Setúbal que apostam neste mercado”, diz Henrique Soares.

Recomendado para si

Livro “Mamã, tenho Medo do Fogo!” da Chiado Kids chega às ... "Mamã, tenho Medo do Fogo!", com a chancela da Chiado Kids que vai ser apresentado este sábado, 15 de dezembro, às 14h45, no Auditório Municipal da Pa...
Cesta Doudou Passo a Passo dos Laboratórios LETI, para cuidar do bebé... Os Laboratórios LETI, especializados no cuidado da pele de toda a família, apresentam um novo produto da gama Baby Semabed, a ‘Cesta Doudou Passo a Pa...
Neste Natal a Makro deseja a todos “um bom cabaz” A Makro Portugal iniciou a sua campanha de Natal com o mote “Neste Natal desejamos a todos um bom cabaz”, campanha que decorrerá até 31 de dezembro. ...
Camaleon Cosmetics apresenta batons coloridos para inverno Após um verão cheio de cor, a marca espanhola de cosmética de cor, Camaleon Cosmetics, lança em Portugal uma nova gama de batons de inverno, os Basic ...
Passagem de Ano na Toca da Raposa Entre na toca e, ao som dos anos 70, com menu do chef Manuel Libeaut e cocktails da Raposa Silvestre, entre em 2019 a não querer sair da Toca…da Rapos...
Miradouro Amoreiras 360º Panoramic View ultrapassa os 100 mil visitant... Um miradouro é sempre um dos melhores espaços para observar as dinâmicas e paisagens de uma cidade. Há mais de dois anos, o Amoreiras Shopping Center ...