12 °C Lisbon, PT
2018-12-14

Nike apresenta novas calças de treinos projectadas para actividades específicas

A Nike acaba de lançar nove calças de treino, completamente novas ou actualizadas, como parte do novo Nike Pants Studio, um conceito projectado para dar às atletas mais escolha e melhorar os seus exercícios com roupas criadas para actividades específicas.

“Nós temos uma visão dos atletas de elite e da sua rotina diária e fizemos uma série de testes de desgaste e grupos de foco com mulheres de todo o mundo, fazendo questões como, ‘O que procura numas calças de treino? Qual é o seu estilo favorito? O que gosta nas calças que está a usar actualmente? O que deseja que as suas calças tenham?”, explica Lee.

Esse feedback resultou na criação de características técnicas únicas que têm o potencial de melhorar a experiência de exercícios específicos para cada silhueta. “Nós sabemos que muitas mulheres fazem diferentes tipos de exercícios, e para cada treino, há algo que precisam funcionalmente das suas roupas e que não é o mesmo em todas as atividades”, explica Lee. “Agora temos modelos que são mais adequados para estúdio, para treinos tradicionais e até mesmo para treinos em equipa”.

Além do desempenho, determinar o estilo ideal de cada pessoa também pode ter um efeito profundo na sua motivação de treino. “O que veste pode desempenhar um papel importante na confiança que sente”, diz Joslyn Thompson Rule, uma formadora de treino NTC com sede em Londres. “E essa pode ser a diferença entre ir ao ginásio e não ir”.

Para determinar qual o modelo (ou modelos, dependendo da rotina de treino) que pode(m) ser ideal para cada um, a Nike disponibiliza um guia simples:

NIKE SPEED TIGHT

Correr é linear. Quando corremos, o nosso corpo está numa posição vertical e geralmente avançando. Mas num ritmo de corrida superior existe uma maior amplitude de movimento do que a um ritmo moderado ou lento. “Durante um sprint, há uma maior amplitude de movimento no quadril e joelho do que a um ritmo de maratona”, diz Bridget Munro, Pesquisador Sénior do Nike Sport Research Lab (NSRL).

Para ajudar cada uma a sentir-se veloz e leve durante os seus exercícios mais rápidos, os designers adotaram uma abordagem minimalista para criar o Nike Speed ​​Tight. Por exemplo, retiraram o bolso com fecho que está normalmente na parte de trás do cinto de cada par de calças de corrida Nike. “O objetivo era eliminar qualquer coisa que pudesse adicionar peso desnecessário ou distração”, diz Jessica Laird, Diretora Sénior de Design da Women’s Running. Em vez disso, colocaram um elegante bolso suspenso um pouco atrás de cada quadril. (O que está à direita adapta-se corretamente a um iPhone 7. O bolso menor à esquerda pode guardar cartão de identificação, dinheiro e uma chave).

A cintura de altura média oferece mais cobertura e a sensação de apoio. “Eu não tenho tempo para puxar as minhas calças para cima no meio de uma corrida ou em obstáculos se elas começam a cair, por isso preciso de algo alto que me abrace firmemente”, diz Shona Richards, atleta da Nike e talento em ascensão no sprint do Reino Unido, especializada nos 400 metros com obstáculos. Mas se a corredora não gostar dessa sensação de retenção abdominal, pode sempre dobrar a cintura das calças para uma menor elevação.

O tecido de poliéster-spandex é de compressão. “Parte do objetivo das calças de compressão é diminuir o movimento dos tecidos moles, fazendo com que, duante uma corrida rápida e intensa, os corredores se sintam mais seguros e poderosos.

NIKE EPIC LUX TIGHT

Durante uma corrida que não envolve explosões de esforço total, o corpo requer menos alcance de movimento. À medida que o corredor fica cansado, começa a confiar mais na sua força central para evitar perder o seu ritmo. E quanto mais longa é a sua corrida, maior o risco de fricção, causada por uma combinação de atrito e transpiração.

“As Epic Lux são o nosso artigo de corrida mais técnico”, diz Jessica Laird. Para actualizar esta silhueta clássica, os designers observaram os corredores de meia-maratona. “Assistimos a uma meia maratona para ver o que as pessoas tinham vestido e percebemos que existiam problemas que precisavam de ser resolvidos”, diz Laird. “Parecia que ninguém sabia onde colocar os seus telemóveis. As pessoas estavam a correr 13 milhas com o telemóvel na mão – não podíamos acreditar!” O armazenamento adequado tornou-se assim uma prioridade imediata.
Mas os telemóveis não são os únicos objectos que os corredores trazem consigo. “Na nossa pesquisa, verificámos que mais de 70% dos corredores levam algo com eles”, diz Laird. Com essa informação, os designers criaram opções de armazenamento seguras em três bolsos de fácil acesso e sem distracções nas Epic Lux.
Um bolso com fecho na parte de trás do cinto. Uma barreira de vapor no interior ajuda a manter os objetos secos quando o corredor está transpirado.
Um novo bolso suspenso à direita (logo atrás do quadril). Guarda o telemóvel para que o corredor possa mudar de música, responder a uma mensagem de texto ou tirar uma foto em qualquer lugar. Não há risco de queda, o tecido confortável tem uma grande elasticidade.
Um pequeno bolso frontal. Ideal para guardar algum alimento para corridas longas, uma chave ou cartão.
Uma cintura larga dá a sensação de apoio central, o que é especialmente importante numa corrida longa. “As cintas podem ser incómodas, então alinhámos isso com um material realmente elegante e para que cada corredor tenha uma verdadeira sensação de luxo”, explica Laird.

Os painéis super macios (do mesmo material novo que é usado no interior da cintura) existentes por trás dos joelhos envolvem a zona para mantê-la fresca e seca, e os designers curvaram a bainha para acentuar o calcanhar e destacar a parte inferior da perna. “Isto serve-me bem e é tão confortável, e eu não sinto comichões nem irritações quando estou a correr”, diz Faith Kipyegon, atleta queniana da Nike que ganhou o ouro na corrida dos 1500 metros em Londres neste verão.

NIKE SWIFT PANT

A ideia para este modelo surgiu quando os designers da Nike começaram a receber comentários de mulheres sobre a necessidade de umas calças de corrida, em vez de leggings. “Pensámos: Será que conseguimos fazer umas calças super leves com as quais as nossas atletas possam realmente correr? Foi uma ótima oportunidade para dar outra possibilidade de escolha às mulheres… “, explica Laird.

O tecido é leve e solto, e não fica transpirado em corridas curtas. Os extremos são afunilados, para que possam ser puxados para cima ou para baixo dependendo do interesse de cada um. O ajuste é slim ainda que não seja apertado.

“O objetivo das Swift Pant foi criar algo que desse mais flexibilidade no dia-a-dia, para que qualquer atleta se sinta confortável enquanto corre”, diz Lee. É uma calça híbrida; ideal para correr ou dançar.

NIKE POWER TIGHT

Os exercícios de alta intensidade são muito variados, por isso é importante que as calças possam passar por diferentes movimentos sem precisarem de ajustes.

Quando se trata de criar calças de treino, os designers da Nike concentram-se nos seis movimentos do núcleo (empurrar, puxar, fechar, agachar, dobrar e girar). “Durante qualquer treino, estes movimentos estarão presentes, e isso influencia os materiais que usamos e todos os detalhes do produto, como o aumento da cintura e a colocação das costuras”, diz Lee.

As Power Tight têm uma nova cintura ligada que fornece mais suporte e flexibilidade para que ninguém se sinta constrangida durante os exercícios. É de média elevação na frente e curvada alta na parte de trás para manter a zona coberta durante os agachamentos profundos e deadlifts.

O tecido Powermesh (essencialmente uma malha elástica com compressão) proporciona uma compressão moderada, sensível ao toque e ajuda a manter a atleta seca e fresca durante os exercícios mais intensos. Pequenos bolsos laterais permitem encaixar o telemóvel e aceder facilmente ao treino NTC mais recente ou a uma playlist.

NIKE PRO TIGHT

As Nike Pro Tight foram criadas para enfrentar qualquer desafio e método de treino – desde exercícios de agilidade até levantar pesos. É o modelo mais leve da linha da Nike, e pode ser usado como uma camada base, debaixo de uns calções, ou sozinho.

Tecidos de refrigeração leves e painéis de malha envolventes fornecem uma ventilação direcionada. As costuras são mínimas para reduzir a chance de distração ou desconforto.

NIKE FLY TIGHT

Durante uma aula de spin, a bicicleta não se move. Mas quem pedala, certamente o faz. Alternar entre subidas sentadas, onde o torso é alongado para a frente; subidas em pé, onde os quadris são erguidos e deslocados; sprints; e, às vezes, levantamento de pesos leves. E a vibração é tipicamente intensa.

“Criámos as Fly Tight para fornecer um ajuste adequado para uma elevada mobilidade, e determinámos o comprimento exacto que os consumidores das aulas de spin preferem, o qual está logo abaixo do joelho, mas não muito em cima dos gémeos, o que restringe o movimento”, afirma Lee. Os designers usaram ainda uma nova costura para minimizar qualquer chance de irritação ou desconforto depois de aquecer.

“O corpo pode ficar muito quente numa aula de spin, e estas calças são leves e respiráveis ​​que quase parece que não estou a transpirar”, diz Clotilde Chaumet, instrutora de ciclismo indoor parisiense. Esta sensação deve-se a grandes painéis de malha na parte de trás dos joelhos (que é uma zona de muita transpiração).

O cinto é mais baixo na frente e mais alto nas costas para manter a zona coberta e confortável quando se está na bicicleta.

NIKE BLISS PANT

Ao contrário do que se poderia esperar, nem todos os movimentos são melhor servidos por umas calças justas. Na verdade, às vezes, umas calças mais largas são a resposta: especialmente quando a actividade em questão requer mobilidade sem restrição, multidireccional, como a dança ou o boxe. “Quando uso calças mais largas, não transpiro tanto e sinto-me mais confortável do que quando uso calças mais justas”, explica Alejandra Smits, dançarina espanhola contemporânea.

O tecido descontraído e alongado de quatro variantes das Nike Bliss Pants oferece uma cobertura versátil e leve, necessária para transições suaves de uma forma para outra.

NIKE SCULPT TIGHT

Na execução de movimentos que se concentram na postura, como ioga, pilates e alguns tipos de dança, incluindo o ballet, é importante a estabilidade.

A cintura alta mantem-se segura no seu núcleo enquanto uma compressão gradual se manifesta na parte inferior do corpo. “Os dançarinos precisam de se sentir muito centrados e apertados no seu núcleo – zona abdominal e espinha – e esta elevação de cintura atinge-me exatamente onde eu preciso: sob a minha caixa torácica”, diz Nardi Boodo, dançarina de ballet profissional. “O corte deste modelo faz as minhas pernas parecerem super longas e meu torso parecer pequeno, o que me dá muita confiança”.

A malha Powermesh na parte de trás remove uma camada de material para uma ventilação melhorada. Não há costuras laterais, para uma maior liberdade de movimentos. Um pequeno bolso externo na parte de trás permite guardar itens essenciais.

NIKE FLOW PANT

“A nossa pesquisa mostrou-nos que havia uma rapariga que estava especificamente à procura de umas calças que pudesse usar no ioga, então focamo-nos em dar-lhe algo que fornecesse um alcance de 360 movimentos”, explica Lee.

A malha em jersey é suave ao toque e extremamente confortável. “Queríamos criar uma opção muito versátil e leve para uma grande variedade de atividades”, acrescenta.

No fundo, embora cada silhueta tenha sido projectada com características desportivas específicas, nenhuma é verdadeiramente certa ou errada para qualquer treino. Segundo Lee, “a preferência pessoal é algo que até os atletas de elite têm”.

Recomendado para si

Nike apresenta CR7 Chapter 7 Em 2015, a Nike lançou o primeiro dos sete "Capítulos CR7" para contar a história de Cristiano Ronaldo. Agora, termina essa história e traz a narrativ...
Novas botas de Cristiano Ronaldo – Mercurial Superfly 360 As Mercurial Superfly 360 e as Mercurial Vapor 360 envolvem todo o pé numa estrutura Nike Flyknit. Max Blau, vice-presidente do departamento de calçad...
Nike apresenta nova tecnologia de amortecimento Os atletas de corridas pediram um modelo de calçado que fizesse tudo: oferecesse mais amortecimento para o impacto de cada passo, desse a energia de r...
NIKE apresenta coleção Equality BHM 2018 Utilizando o poder do desporto para inspirar e motivar, os produtos EQUALITY da Nike promovem a integração oferecendo uma plataforma para todos os des...
Nike lança Motion Adapt Bra, o soutien adaptável O Nike Motion Adapt Bra é um soutien com tecnologia adaptável, indicado para qualquer tipo de treino. O treino pode começar com algumas posições de y...
Nike apresenta novos Air Max 270 Inspirados pelos icónicos Nike Air Max do início dos anos 90, e exibindo a unidade de calcanhar mais alta de sempre (32 mm), os novos Nike Air Max 270...