10 °C Lisbon, PT
2019-01-16

Primeira menstruação: como encara-la com naturalidade?

Lactacyd e a médica ginecologista Patrícia Isidro Amaral falam sobre as mudanças que ocorrem e a importância da higiene íntima nesta fase da vida da mulher A primeira menstruação é um momento marcante na vida de qualquer mulher, no entanto, deve ser encarado de forma natural. A médica ginecologista Patrícia Isidro Amaral explica que a primeira menstruação “surge habitualmente entre os 10 e os 14 anos, mas atualmente a média de idades em que surge é cada vez menor, verificando-se um aumento de casos entre os 12 e 13 anos”.

A chegada da primeira menstruação de forma mais prematura ou tardia pode estar relacionada com diversos fatores, nomeadamente “o maior sedentarismo e as alterações em termos de hábitos alimentares, que poderão levar a um excesso de peso ou obesidade”, esclarece a Dra. Patrícia Isidro Amaral. Por outro lado, a primeira menstruação pode aparecer mais tarde em raparigas com “desnutrição, distúrbios alimentares como a anorexia nervosa e que pratiquem exercício físico intenso”, realça a médica.

Até que a primeira menstruação aconteça, o corpo de uma adolescente vai sofrendo alterações. A médica ginecologista identifica as etapas de evolução: tudo começa pela telarca (desenvolvimento das maminhas), passa pela pubarca (progressivo aparecimento dos pelos púbicos), que é seguida de um pico de crescimento de altura, e termina com a menarca (aparecimento da primeira menstruação). A especialista acrescenta ainda que após esta última fase “continua a existir evolução no corpo da adolescente em termos de desenvolvimento, que se aproxima da mulher em idade adulta”.

A partir do momento em que uma mulher é menstruada, os cuidados de higiene devem aumentar “com a troca frequente do penso higiénico ou tampão e com a realização de uma higiene íntima adequada”. Além disto, a Dra. Patrícia Isidro Amaral enumera alguns produtos que devem existir em casa:

  • Variedade de pensos higiénicos, tampões ou copos menstruais (podem ser todos utilizados por mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual)
  • Produtos específicos para a higiene íntima (o pH íntimo é diferente do da pele, não sendo adequado a utilização de gel de banho)
  • Anti-inflamatórios (se não existir alergia ao medicamento e caso surja dor pélvica durante a menstruação)

Dada a importância da utilização de produtos adequados para a higiene íntima diária, Lactacyd apresenta uma solução para a higiene íntima nesta fase da vida.

Lactacyd Sensitive, formulado com ácido láctico biológico, tem o pH adequado à mucosa vaginal e é extra delicado, o que o torna perfeito para uso diário na adolescência e primeira menstruação.

Os produtos Lactacyd encontram-se disponíveis em farmácias, parafarmácias e espaços de saúde de super e hipermercados.

Recomendado para si

Montanha-Russa está de volta ao D. Maria II Depois de, em março de 2018, se ter estreado no Teatro Nacional D. Maria II e, em seguida, ter partido em digressão, o espetáculo Montanha-Russa regre...
Agora é mais fácil marcar mesa numa Pousada de Portugal Marcar mesa no restaurante de uma Pousada de Portugal é agora mais fácil e rápido, basta aceder ao site da marca, consultar a disponibilidade e fazer ...
Imperial lança edição solidária da tablete Pantagruel 70% cacau A Imperial prepara-se para lançar, no primeiro trimestre de 2019, uma campanha solidária a favor da Associação Bagos D’Ouro. O maior produtor nacional...
MAR Shopping Food Experience regressa ao palco em 2019 O Espaço de Restauração do MAR Shopping Matosinhos volta a dar palco a novas experiências de cultura e lazer. A programação gratuita estende-se de fev...
Irish Celtic em Lisboa com novas sessões Irish Celtic em Lisboa com novas sessões - Dias 17 e 18 de Fevereiro! Irish Celtic é um Pub, em Cork, Irlanda. A sua história data do princípio dos t...
Vodafone vai instalar antena 5G na Faculdade de Engenharia da Universi... A Vodafone Portugal vai instalar uma antena 5G na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP). A iniciativa acontece na sequência da adesã...