Windows Movie Maker falso espalha-se graças a alto posicionamento em motores de busca

Uma versão modificada do Windows Movie Maker, cujo objetivo é extrair dinheiro de utilizadores menos atentos, tem sido distribuída com um sucesso surpreendente nos últimos tempos. Este esquema, que já não é novidade, foi impulsionado recentemente graças à otimização para motores de busca do website dos impostores, bem como à procura continuada do verdadeiro Windows Movie Maker, o software gratuito de edição de vídeo da Microsoft que foi descontinuado em janeiro deste ano.

O website que está a espalhar o software modificado, ‘windows-movie-maker.org’, é um dos primeiros resultados que se obtém quando se procura “Movie Maker” ou “Windows Movie Maker” tanto no Google, o motor de busca mais usado do mundo, como no Bing, o segundo motor de busca mais usado do mundo.
Os produtos de segurança da ESET detetam o esquema como Win32/Hoax.MovieMaker e bloqueiam o website que o distribui. A ESET já alertou tanto a Google como a Microsoft sobre a natureza fraudulenta do website, que foi registado em 2010.

Como consequência do alto posicionamento do website nos motores de busca, os impostores por detrás do esquema conseguiram chegar a uma audiência global. A versão modificada do Windows Movie Maker foi apontada como uma das ameaças mais prevalentes dos últimos dias pela telemetria da ESET, com deteções registadas em Israel, Filipinas, Finlândia e Dinamarca.

Como o esquema funciona

Quando os utilizadores instalam o software distribuído pelo website fraudulento, deparam-se com um Windows Movie Maker aparentemente funcional. No entanto, ao contrário do Windows Movie Maker oficial e gratuito da Microsoft, esta versão apresenta-se como uma versão de teste que precisa de ser atualizada para a versão completa de forma a oferecer todas as funcionalidades.

O software solicita repetidamente ao utilizador que compre a versão completa, primeiro quando o programa é iniciado, e mais tarde quando o utilizador tenta gravar um novo documento. Neste segundo caso, o utilizador é impedido de continuar, dando a entender que gravar um documento é uma funcionalidade paga. O preço para a atualização falsa é de 29,95 dólares, uma quantia apresentada como tendo 25% de desconto no website dos impostores.

Como se proteger do esquema

Se já instalou o Windows Movie Maker modificado, desinstale-o e execute uma análise ao seu sistema utilizando uma boa solução anti-malware.
Para evitar ser vítima de esquemas semelhantes, utilize sempre fontes oficiais para obter software. Se precisar mesmo de um programa que foi descontinuado pelo criador original, certifique-se que usa uma solução de segurança fiável para detetar e bloquear conteúdo malicioso, considere usar o substituto oficial do software descontinuado (neste caso, o Windows Story Remix) e não pague por software gratuito que não apresente explicitamente informação sobre eventuais custos.

Recomendado para si

Puma Mantra FUSEFit Desert O novo Puma Mantra FUSEFit Desert, usado por Lewis Hamilton, traz um novo fôlego ao universo do Training. Um anel assimétrico combina um apreciável su...
Xbox Portugal presente na Lisboa Games Week A Lisboa Games Week, que arranca já no próximo dia 15 de novembro na FIL, em Lisboa, volta a contar com a Xbox. No palco do maior evento de Gaming em...
The Oitavos recebe concerto intimista dos The Black Mamba Depois da estreia com Tiago Bettencourt em 2017, o hotel The Oitavos, em Cascais, abre as suas portas pelo segundo ano consecutivo, para o concerto in...
The Yeatman Hotel: receber o inverno no refúgio ideal do con... O Spa Vinothérapie Caudalie do The Yeatman é o refúgio ideal para este inverno. Conheça os três programas cuidadosamente preparados para que possa res...
H&M vai abrir no Alameda Shop & Spot O Alameda Shop & Spot, Centro Comercial gerido e comercializado pela consultora imobiliária CBRE, reforça o seu mix comercial no setor da moda com...
Tivoli Carvoeiro eleito como um dos melhores da Europa pela ... O Tivoli Carvoeiro, o luxuoso resort localizado numa das zonas mais bonitas e emblemáticas do Algarve, acaba de ser reconhecido pelos Condé Nast Johan...