9 °C Lisbon, PT
2018-01-18

Blédina mostra pais e mães, naturalmente

É natural ser uma mãe como a Inês, onde tudo correu bem desde o início e “toda a experiência da maternidade foi uma maravilha”, mas também é natural sentir as mudanças como a Bruna que assume que “os horários são outros, dormimos quando ela dorme, aproveitamos a sestinha dela para também descansar e aproveitar para fazer as nossas coisas porque no fundo acabo por não ter tempo para mim e para nós, como casal”.

Assim como é natural ser um pai como o Gilberto que explica que “os filhos são duas pessoas que eu amo incondicionalmente, sem margem para dúvidas”; e é igualmente natural ser um pai como o Pedro Quinteiro, que acha que “(…), isto de ter um bebé é… é entrar um bocado no campo do bitaite. Ou seja, toda a gente tem uma opinião para dar, (…), e depois nós vamos ver e na verdade ninguém sabe nada”.

Estes são quatro dos testemunhos que Blédina recolheu sobre a forma como os pais encaram e vivem o seu papel de pai e mãe, todos eles captados em vídeo e disponíveis no website e nas páginas de Youtube e Facebook de Blédina. Há dois vídeos genéricos com testemunhos de pais e testemunhos de mães e surgirão brevemente 8 vídeos temáticos mais detalhados, com os quais os pais e mães se irão certamente identificar.

“Para além do envolvimento e natural identificação dos pais com estes testemunhos, este é o tipo de campanha que melhor reflete os princípios e valores da Blédina”, refere José Maria Jorge, Marketing Manager de Blédina Portugal. “Defendemos a transparência e simplicidade dos nossos produtos. O mesmo se aplica à parentalidade: enquanto marca, sabemos e defendemos que há múltiplas formas de viver a parentalidade mas, no final… ser pai e ser mãe é natural. Blédina continua ao lado dos Pais e das Mães, neste compromisso pelo bem-estar dos mais pequenos”, acrescenta.

Pub

%d bloggers like this: