Vendas conjuntas das unidades de retalho da Sonae cresceram 6,9% face ao ano anterior

Os negócios de retalho da Sonae aceleraram o seu crescimento em 2017, com todas as unidades a contribuírem positivamente para o aumento das vendas. Este desempenho traduziu a constante melhoria da proposta de valor, a expansão dos formatos de conveniência, o sucesso dos conceitos de loja, a aposta no omnicanal, o reforço do portefólio de negócios e a expansão internacional.

As vendas de retalho da Sonae atingiram €5.554 M em 2017, crescendo 6,9% face a 2016, beneficiando do contributo positivo de todas as divisões. Em termos trimestrais, as vendas registaram um aumento de 7,3% face a 2016 para €1.556 M. As vendas online de retalho ultrapassaram os €100 M em 2017, especialmente com a contribuição da Worten, Sonae MC e Salsa.

No retalho alimentar, Luís Moutinho, CEO da Sonae MC, afirma: “O ano de 2017 foi, uma vez mais, um ano positivo para a Sonae MC com o contínuo reforço da nossa liderança num ambiente de mercado bastante exigente. Em linha com as nossas expectativas, as vendas cresceram 5,4% quando comparadas com 2016, suportadas quer por um crescimento de vendas no universo comparável de lojas de 1,2%, quer pela contínua expansão das nossas lojas de proximidade, os Continente Bom Dia.


Pub

O crescimento das vendas no universo comparável de lojas demonstra os resultados de uma proposta de valor mais forte, nomeadamente no que se refere, à melhoria efetiva da qualidade dos perecíveis e consequentemente, à melhoria da respetiva perceção de qualidade, bem como, à perceção de preço, recentemente confirmada pelo último estudo da DECO, no qual a Sonae MC foi, mais uma vez, reconhecida como líder em preço do mercado português”.

Sobre a Worten e a Sonae S&F, Miguel Mota Freitas, CEO destas unidades, afirma: “A Worten terminou um ano particularmente positivo, ao ultrapassar mil milhões de euros de vendas e um crescimento de vendas no universo comparável de lojas próximo dos dois dígitos. Com este desempenho positivo, a Worten conseguiu reforçar a sua quota de mercado em Portugal e em Espanha, quer no canal offline quer no online.

A divisão de Sports & Fashion apresentou um crescimento de vendas de 11,7%, com uma contribuição positiva do universo comparável de lojas das marcas de fashion, apesar do impacto negativo das condições climatéricas sentidas no mês de outubro”.

Sonae MC acelera crescimento e alcança novo recorde de vendas

As vendas da Sonae MC ascenderam a €3.884 M, aumentando 5,4% quando comparado com 2016. Esta evolução foi suportada pela contínua expansão da rede de lojas (com a abertura de 19 Continente Bom Dia e 1 Continente Modelo) e por um crescimento de vendas no universo comparável de lojas de 1,2%. Esta variação de vendas no universo comparável de lojas refletiu o impacto de um conjunto de medidas implementadas pela Sonae MC no sentido de fortalecer a sua proposta de valor, entre as quais se destacam: (i) a melhoria efetiva da qualidade dos perecíveis e consequentemente a melhoria da respetiva perceção de qualidade e (ii) a perceção de preço novamente confirmada pelo mais recente estudo de outubro de 2017, no qual a Sonae MC foi reconhecida pela DECO, a Associação Portuguesa de Defesa do Consumidor, como líder em preço do mercado português.

Este desempenho operacional permitiu à Sonae MC continuar a reforçar a sua quota de mercado, quer no trimestre quer no ano. Relativamente ao 4T17, em que as vendas da Sonae MC aumentaram 6,8% para €1.070 M, é de realçar o crescimento de vendas no universo comparável de lojas que atingiu 3,2%. Este crescimento foi particularmente positivo considerando a variação comparável de 2,1% registada no 4T16.

De acordo com a estratégia de fortalecer a sua posição no segmento de Health & Wellness, ao longo de 2017, a Sonae MC deu vários passos com o objetivo de promover a Saúde e Bem-Estar das comunidades, nomeadamente (i) o aumento da variedade de produtos saudáveis nas lojas Continente com a marca renovada bio e saudável, (ii) a aquisição de 51% da Go Natural e 100% dos supermercados Brio, e (iii) a abertura de 19 Well’s e 3 clínicas Dr Well’s. Já em janeiro de 2018, a Dr. Well’s abriu a sua 4ª clínica especializada em medicina dentária e medicina estética.

Worten supera mil milhões de euros em vendas

As vendas da Worten ultrapassaram pela primeira vez mil milhões de euros, terminando o ano de 2017 com €1.003 M. Este desempenho representa um crescimento de 10,2% face a 2016, sustentado por um crescimento de vendas no universo comparável de lojas de 7,7% e por um aumento significativo da operação online, que cresceu mais de 50% em Portugal e 65% em Espanha. A operação espanhola teve um desempenho de vendas particularmente positivo, impulsionado pela forte subida das vendas online bem como pelo aumento da produtividade da área de venda.

No 4T17, as vendas cresceram 13,4% em comparação com o 4T16, para €313 M, sustentadas por um crescimento de vendas no universo comparável de lojas de 10,2%. De notar que a Worten teve um crescimento muito significativo durante o período da “Black Friday” tanto em Espanha como em Portugal, sem impacto relevante nas vendas tradicionalmente mais elevadas de dezembro.

Como resultado deste desempenho anual, a Worten reforçou a sua liderança no mercado português e melhorou a quota de mercado em Espanha, tanto no canal online como no canal offline.

Sonae Sport & Fashion cresce 11,7%

As vendas da Sonae Sports & Fashion atingiram €589 M em 2017, um aumento de 11,7% quando comparado com o ano anterior. Esta evolução beneficiou não só da consolidação da Salsa no primeiro semestre, mas também do contributo positivo das restantes marcas, demonstrando o sucesso dos ajustamentos feitos na proposta de valor ao longo dos últimos trimestres.

Considerando a variação de vendas no universo comparável de lojas, todas as marcas de moda registaram uma evolução positiva em 2017, reafirmando o caminho de crescimento contínuo verificado ao longo dos últimos trimestres, apesar das condições meteorológicas desfavoráveis, que conduziram a um arranque tardio da estação fria e tiveram um forte impacto no desempenho do mês de outubro.

Relativamente ao acordo com o grupo JD, formalizado em setembro de 2017, para a fusão da JD Sprinter e Sport Zone, o mesmo decorre como previsto, incluindo a aprovação por parte da Autoridade da Concorrência (recebida no passado dia 18 de janeiro), prevendo-se a concretização da transação para breve.

Artigos relacionados