Jardim Zoológico celebra Dia Mundial da Vida Selvagem

A fim de celebrar o mundo animal e vegetal do nosso planeta, alertar para os perigos de extinção de inúmeras espécies e consciencializar a população para a conservação da Natureza, o Jardim Zoológico assinala, no dia 3 Março, o Dia Internacional da Vida Selvagem com visitas guiadas gratuitas e a participação no Ciclo de Palestras Photo Ark, no Porto.

Neste dia, os visitantes do Jardim Zoológico vão poder usufruir, gratuitamente, de visitas guiadas lúdico-pedagógicas, acompanhados por técnicos especializados e descobrir todas as curiosidades sobre os habitantes da morada mais selvagem de Lisboa e aferir a importância da adoção de valores, atitudes e comportamentos que contribuam para a proteção da biodiversidade da Terra. As visitas guiadas vão ter lugar após a apresentação das 11h e das 15h na Baía dos Golfinhos e serão limitadas a um número de visitantes a anunciar.

Já no Porto, às 18h, miúdos e graúdos têm a oportunidade de assistir à palestra “Grandes desafios na conservação de espécies animais em perigo”, desenvolvida no âmbito do projeto Photo Ark, da National Geographic, que decorrerá na Galeria da Biodiversidade – Centro Ciência Viva e contará com Carlos Agrela Pinheiro, Membro do Conselho de Administração e Responsável pela área Zoológica do Jardim Zoológico, e José Dias Ferreira, Curador do Jardim Zoológico e Coordenador do Programa de Reprodução do Leopardo-da-pérsia, como oradores. Inserida num ciclo de conferências em torno da temática dos animais ameaçados, esta sessão pretende explorar as ameaças nefastas que continuam a existir no mundo animal, como a caça ilegal, a desflorestação, as alterações climáticas, entre muitas outras, e as ferramentas utilizadas para fazer face a esta problemática, na áreas da educação, investigação científica, implementação de medidas de conservação e reintrodução de espécies na Natureza.


Pub

Nos próximos 25 anos, ¼ de todas as espécies de mamíferos e uma em cada oito espécies de aves correm o risco de extinção. O Jardim Zoológico trabalha continuamente no sentido de conservar os animais que tem ao seu cuidado – conservação ex situ – e aqueles que permanecem no seu habitat natural – conservação in situ, assumindo um papel fundamental na manutenção da vida selvagem.

Artigos relacionados