Home | Alimentação e bebidas | 182 mesas candidatas às 7 Maravilhas à Mesa

182 mesas candidatas às 7 Maravilhas à Mesa

As 7 Maravilhas à Mesa receberam 182 candidaturas de todo o país com o melhor da Gastronomia, Vinhos, Azeites e Roteiros Turísticos de cada região. Do Minho ao Algarve, passando pela Madeira e Açores, são 182 os candidatos num total de 1274 patrimónios com ambição de provarem que têm a melhor Mesa de Portugal.

As candidaturas incluem diferentes patrimónios onde não faltam os ex-líbris de cada região, que vão dos petiscos tradicionais aos vinhos, azeites e pratos de peixe, marisco, carne e caça, mas também roteiros turísticos que incluem patrimónios históricos, culturais e naturais, museus, adegas, queijarias, eventos e experiências únicas.

“Sabemos que cada região tem muito para oferecer mas ficámos muito entusiasmados com as candidaturas que recebemos e com a enorme qualidade dos 1274 patrimónios. Sentimos que o nosso objetivo foi bem compreendido e temos agora uma árdua tarefa para eleger os 49 pré-finalistas entre 182 mesas maravilhosas”, explica Luís Segadães, Presidente das 7 Maravilhas à Mesa.

Naquela que é uma das edições mais completas desde 2007, candidataram-se municípios, freguesias, restaurantes, alojamentos turísticos, associações e confrarias, entre outros.

À semelhança das edições anteriores, as galas onde vão ser eleitas as 7 Maravilhas à Mesa vão ser apresentadas pela dupla Catarina Furtado e José Carlos Malato e transmitidas em direto na RTP, aos domingos em horário nobre, de 22 de julho até à grande final, a 16 de setembro.

7 Maravilhas à Mesa é a sétima eleição realizada em Portugal, entregando um selo de garantia às Mesas homenageadas e promovendo as regiões de Portugal enquanto destino turístico de referência.

Check Also

Cálem apresenta nova imagem para os vinhos do Porto

Numa altura em que comemora os 160 anos da sua fundação, em 1859, a Porto …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.