Hotéis IHG do Porto adotam medida antipoluição e acabam com as palhinhas de plástico

A «Plastic Straw Initiative», medida adotada pelo Crowne Plaza Porto e InterContinental Porto – Palácio das Cardosas, representa a posição dos hotéis contra a utilização única das palhinhas de plástico e um esforço para evitar os seus efeitos nocivos sobre a saúde, o meio ambiente e os oceanos.

Com o objetivo de contribuir para a sustentabilidade do nosso planeta, os hotéis Crowne Plaza Porto e InterContinental Porto – Palácio das Cardosas extinguiram a utilização de palhinhas de plástico em todos os seus serviços. Este artigo não reciclável e de alto consumo acaba muitas vezes por ser depositado nos oceanos provocando a morte de cerca de 100.000 animais marinhos no espaço de um ano.

Nos dois hotéis da Invicta, todo o stock de palhinhas de plástico foi eliminado e agora substituído por palhinhas ecológicas, feitas de papel reciclado. Uma solução sustentável, 100% biodegradável e amiga do ambiente.

Ainda assim, para evitar a utilização desnecessária deste artigo, o Crowne Plaza Porto e o InterContinental Porto – Palácio das Cardosas definiram algumas medidas internas, como não colocar automaticamente palhinhas (ainda que ecológicas) nas bebidas, a não ser que o cliente solicite ou quando a sua utilização é estritamente necessária, como nos Cocktails ou Milkshakes.

Nas palavras de Vincent Poulingue, Diretor Geral dos dois hotéis IHG do Porto, “esta é uma medida que pretende, acima de tudo, conservar o meio ambiente. O plástico não é um material biodegradável e as palhinhas são muitas vezes utilizadas apenas como elemento decorativo. Nós queremos alterar essa política e, para as ocasiões em que realmente são essenciais, temos disponíveis as palhinhas ecológicas. Além disso, este posicionamento é um reflexo da política sustentável da marca IHG – InterContinental Hotels Group. Vamos sempre tentar explorar novas oportunidades para reduzir o impacto ambiental, com alternativas biodegradáveis e ecológicas nos nossos serviços”.

Este posicionamento será sempre comunicado aos clientes dos dois hotéis do Porto, com o objetivo de fomentar a importância do tema na indústria e de os sensibilizar para as causas nocivas da utilização das palhinhas de plástico na nossa saúde, no meio ambiente e nos oceanos, onde cerca de 90% de todos os detritos encontrados são feitos de plástico. Além disso, uma palhinha demora, em média, 400 anos para ser absorvida pela natureza.

Recomendado para si

easyJet lança aplicação que permite marcar viagens com uma i... Look&Book é uma aplicação inovadora que permite que os viajantes façam reservas de voos apenas através de fotografias do Instagram A easyJet acab...
The Spa do hotel The Oitavos apresenta novas campanhas de Ou... O The Spa do hotel The Oitavos apresenta dois novos programas para dar as boas vindas ao Outono: Afternoon Tea&Spa e Work Break@The Spa, são as no...
Hotel Golf Mar apresenta programação de outono para todas as... O Hotel Golf Mar, no Vimeiro, situado a 50km de Lisboa e conhecido pelo seu traço tradicional e familiar, apresenta uma proposta diversificada de even...
Dormidas no Algarve disparam para os 3 milhões em agosto O Algarve registou mais de três milhões de dormidas em agosto, o mês mais forte da época alta do turismo em Portugal, conquistando uma quota de cerca ...
InterContinental Cascais-Estoril assume nova identidade Antes designado InterContinental Estoril, a unidade de cinco estrelas situada na famosa Avenida Marginal mudou de nome para InterContinental Cascais-E...
O Maxime está de volta Considerado o expoente máximo da Lisboa boémia de meados do século passado, o Maxime fez-se Hotel, e acaba de reabrir, na Praça da Alegria nº 58 em Li...