10 °C Lisbon, PT
2019-01-21

RESPIRA alerta para os perigos da exposição do tabaco nas crianças

No Dia Mundial Sem Tabaco, a Associação RESPIRA lança uma campanha de sensibilização sob o mote “De certeza que põe a segurança do seu filho em primeiro lugar?”, com o apoio institucional da Sociedade Portuguesa de Alergologia Pediátrica. Durante o dia 31 de maio serão distribuídos folhetos informativos no Metro de Lisboa e nas Lojas Pingo Doce.

Esta campanha pretende sensibilizar os condutores que fumam no interior dos carros, para os malefícios que o fumo provoca, sobretudo quando transportam crianças.

“O tabagismo é considerado um grave problema de saúde pública, já que é responsável pela diminuição da qualidade e duração de vida. Tem ainda a agravante de ser um fator de risco, não só para o fumador, mas para todos aqueles que se encontram frequentemente expostos ao fumo passivo. Neste sentido, esta campanha visa alertar as pessoas para deixarem de fumar dentro dos carros, por forma a não colocarem em risco a sua saúde e dos seus ocupantes, nomeadamente as crianças. A sua segurança também está na qualidade do ar que respiram quando são transportadas nos automóveis para a escola ou para casa”, realça Isabel Saraiva, vice-presidente da RESPIRA.

Um cigarro contém cerca de 4.000 substâncias com efeitos tóxicos e irritantes, 70 das quais mencionadas como cancerígenos. Ao expormos uma criança ao fumo do tabaco, ela estará a inalar substâncias como a nicotina, metais pesados, monóxido de carbono ou alcatrão.

No âmbito desta campanha, a RESPIRA irá distribuir folhetos informativos nas estações do Metro Marquês de Pombal, Jardim Zoológico e Entre Campos, das 8H00 às 10H00 e das 17H00 às 19H00, bem como nas lojas do Pingo Doce Tomás Ribeiro e 5 de Outubro, entre as 10H00 e as 16H00.

Os malefícios do tabaco nas crianças:

  • Probabilidade de desenvolvimento de problemas respiratórios, nomeadamente asma, bronquite e pneumonia;
  • O fumo passivo pode ser letal e aumenta em 30% a probabilidade de cancro do pulmão e em 24% o risco de problemas cardíacos;
  • A curto prazo as crianças podem apresentar irritação nos olhos, dor de cabeça, náuseas, tosse, falta de ar, sinusite crônica e até problemas auditivos (perda auditiva neurossensorial);
  • Problemas psiquiátricos e psicológicos decorrentes da ansiedade e depressão causados pela inalação dos gases tóxicos do fumo do tabaco;
  • Por fim, as crianças podem perder a capacidade de concentração e terem maiores dificuldades de aprendizagem, uma vez que a inalação de fumo interfere diretamente no seu comportamento, tendem a ficar mais irritadas e impacientes.

Recomendado para si

Perder peso depois dos 40 Para a grande maioria das mulheres, a entrada nos "entas" caracteriza-se pela facilidade em engordar e maior dificuldade em perder peso. De facto, os ...
Laboratórios LETI lançam Sebamed Emulsão sem sabão com Azeite Os Laboratórios LETI apresentam Sebamed Emulsão Sem Sabão com Azeite, desenvolvido para prevenir o aparecimento precoce de rugas e proteger o manto da...
Hospitalização domiciliária traz benefícios para o doente agudo Hoje assistimos a um aumento da esperança média de vida, para a qual têm contribuído as melhorias das condições de higiene e dos cuidados de saúde pre...
Fitness Hut lança campanha “É POR MIM!” Quando chega o inverno, é mais do que comum começarmos a perder a vontade de ir regularmente ao ginásio. O verão já lá vai e o biquíni há muito que já...
Maria Cerqueira Gomes aceitou o desafio de L’Oréal Professionnel Natural do Porto, a apresentadora e modelo é uma referência inspiradora para muitas portuguesas. O estilo effortless chic, a personalidade determinada...
Portugueses estimam gastar 372 euros nas compras deste Natal De acordo com o estudo do Instituto Português de Administração e Marketing (IPAM), os portugueses pretendem gastar uma média de 372 euros nas compras ...