Plano de Mobilidade Rock in Rio-Lisboa com número recorde de operadores

Operação de mobilidade envolve 12 operadores de transportes, abrangência geográfica nacional, alargamento dos horários dos serviços urbanos e vários serviços gratuitos mediante apresentação do bilhete Rock in Rio-Lisboa.

Metropolitano de Lisboa aberto até às 03h00 nos dias do festival, com serviço nas quatro linhas e metros de 6 em 6 minutos.

A organização do Rock in Rio-Lisboa acaba de anunciar o plano de mobilidade para a 8.ª edição do festival que, este ano, conta com número recorde de operadores, prolongamento de horários nos principais serviços urbanos e maior abrangência nacional. Abreu, Budget, BusUp, Carris, Cityrama, CP (Urbanos e Longo-Curso), Fertagus, Metro de Lisboa, mytaxi, Transtejo e Soflusa e Rede Expressos juntam-se, assim, numa mega operação que visa, em simultâneo, incentivar os visitantes da Cidade do Rock a deixarem os carros em casa.

Com o objetivo de facilitar o acesso e saída do recinto, num evento que contou com mais de 300.000 pessoas na sua última edição em Lisboa, os operadores envolvidos neste plano oferecem packs e condições especiais para a deslocação dos fãs, bem como o reforço dos serviços urbanos habituais. O Metropolitano de Lisboa alargará os seus serviços nos dias do festival até às 03h00, as viagens nos comboios urbanos CP Lisboa da linha de Cascais e de Sintra serão gratuitas mediante a apresentação do bilhete para o festival, enquanto a Fertagus oferece o estacionamento nos seus parques automóveis ao longo das estações da margem sul. Além destas vantagens, a mytaxi vai, pela primeira vez, assegurar táxis coletivos na cidade de Lisboa a preços fixos e a organização do Rock in Rio-Lisboa colocará em circulação um shuttle com partidas de pontos estratégicos na envolvente de Lisboa – Cascais Villa, Beloura Shopping, Oeiras Parque, Strada Outlet, Forum Montijo – que levará os fãs até à porta da Cidade do Rock pelo valor de 12€ (ida e volta).

Para Roberta Medina, Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio, “esta será a edição do festival com mais soluções de mobilidade para os nossos fãs. Acreditamos que o trabalho desenvolvido com estes operadores e empresas parceiras vai resultar numa maior adesão ao uso dos transportes coletivos, em detrimento do transporte individual, em linha com o nosso compromisso na construção de um mundo mais sustentável.”

Recomendado para si

Rock in Rio-Lisboa chegou a mais de cinco milhões de pessoas... A 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa em números 57 horas de música 264 acts musicais/entretenimento 18.999 pessoas andaram na Roda-gigante...
Começa hoje a 1ª edição do Rock in Rio Innovation Week @LACS... Tem hoje início a primeira edição do Rock in Rio Innovation Week @LACS, a decorrer pela primeira vez em Lisboa nesta semana de intervalo entre os dois...
156 mil pessoas no primeiro fim-de-semana de Rock in Rio-Lis... Durante os dois primeiros dias da 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa, a Cidade do Rock recebeu 156.000 pessoas, com o segundo dia – dominado por Bruno M...
Cidade do Rock prepara-se para abrir as portas da 8.ª edição... Faltam oito dias para abrirem as portas de mais um Rock in Rio-Lisboa, que esta edição chega com tudo novo. A Cidade do Rock – recinto do festival - a...
Rock in Rio-Lisboa com Área VIP renovada A duas semanas da abertura de portas, a organização do maior evento de música e entretenimento do mundo apresenta as novidades do espaço mais exclusiv...
Copos de plástico descartáveis banidos da Cidade do Rock Iniciativa procura combater o desperdício de recursos, provocado pelos copos de plástico descartáveis. Copos serão oferecidos aos festivaleiros, dentr...