Home | Lazer | Exposições | “VER com outros olhos” em exposição na Fundação Calouste Gulbenkian

“VER com outros olhos” em exposição na Fundação Calouste Gulbenkian

Com data de inauguração marcada para 22 de Setembro, a exposição “VER com outros olhos” vai estar patente na Fundação Calouste Gulbenkian até ao próximo dia 12 de Novembro. Esta exposição é o resultado do projeto Imagine Conceptuale, realizado pelo Movimento de Expressão Fotográfica (MEF), que se propôs trabalhar com uma população supostamente arredada dos corredores da arte. A ideia foi levar a produção artística, o contacto com a arte e a aprendizagem sobre alguns movimentos estéticos relevantes a um grupo de pessoas com maior dificuldade no acesso às imagens.

O projeto Imagine Conceptuale foi desenvolvido com pessoas cegas congénitas, com cegueira adquirida e com baixa visão, ao mesmo tempo que foram estabelecidas parcerias com instituições ligadas à deficiência visual. O MEF quis facilitar o acesso destas pessoas às artes visuais e fomentar as suas formas de expressão pessoal e artística, em particular por meio da fotografia. O principal objetivo foi a inclusão, uma vez que ao colocar um sujeito num universo que lhe está vedado, ele ganha valor nesse contexto, contribuindo também para a melhoria da qualidade e quantidade das respostas sociais, nomeadamente na área cultural.

A exposição “VER com outros olhos” é o culminar de três anos de intervenção no terreno, com base num conjunto de parcerias com várias entidades, que possibilitaram a constituição de grupos e a escolha dos períodos estéticos a abordar. A intervenção foi feita em três fases: na primeira, os participantes foram expostos aos diversos movimentos estéticos, através da história da arte e da descrição de obras relevantes (oralmente e por tato); na segunda, foram desafiados a descrever todas as imagens que lhes ocorreram como consequência da exposição prévia; e, por último, foi-lhes pedido que produzissem fotograficamente as imagens descritas na fase anterior. Ao desenvolverem algumas competências individuais, os participantes provaram que é possível ultrapassar adversidades e percorrer caminhos nunca antes experimentados.

Desde há 10 anos que o MEF usa a arte, em particular a fotografia, para promover a inclusão, mas sobretudo para promover a partilha e o envolvimento em novas experiências de pessoas em contextos potencialmente inacessíveis. O projeto Imagine Conceptuale é apoiado pelo PARTIS – Práticas Artísticas para a Inclusão Social.

Check Also

The Body Shop sugere edição limitada Cactus Blosson para o Dia da Mãe

A The Body Shop criou a linha corporal de edição limitada Cactus Blosson a pensar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.