Henkel assina Compromisso Global por uma Nova Economia do Plástico

Como parte do compromisso da Henkel em ter embalagens sustentáveis, a companhia está a participar na Nova Economia do Plástico. A iniciativa liderada pela Ellen MacArthur Foundation reúne stakeholders para repensar e redesenhar o futuro dos plásticos e impulsionar a economia circular. Hoje, a Nova Economia do Plástico apresentou o seu Compromisso Global, que foi assinado por 250 organizações – entre elas a Henkel. O objetivo coletivo: eliminar o desperdício do plástico e a poluição na fonte.

O Compromisso Global da Nova Economia do Plástico é liderado pela Fundação Ellen MacArthur, em colaboração com a ONU Meio Ambiente, e foi oficialmente divulgado na Conferência Our Ocean, em Bali. Os signatários incluem muitos dos maiores fabricantes, marcas, retalhistas e recicladores de embalagens do mundo, além de governos e ONGs. O objetivo geral é criar “uma nova realidade” para as embalagens plásticas. As metas são entre outras:

Eliminar embalagens plásticas problemáticas ou desnecessárias e migrar de modelos de uso único para modelos de reutilização;
Inovar para garantir que 100% das embalagens plásticas possam ser reutilizadas, recicladas ou compostadas com facilidade e segurança até 2025;
Circular o plástico produzido, aumentando significativamente a quantidade de plásticos reutilizados ou reciclados e transformados em novas embalagens ou produtos.

O Compromisso Global segue uma visão clara de uma economia circular para o plástico que está alinhada com a abordagem e as metas da Henkel para as embalagens sustentáveis: até 2025, 100% das embalagens da empresa serão recicláveis, reutilizáveis ​​ou compostáveis​​*. Dentro do mesmo prazo, a Henkel pretende utilizar 35% de plástico reciclado nos seus produtos de consumo na Europa. A estrutura da Henkel para embalagens sustentáveis ​​reflete as três principais fases de uma cadeia de valor circular (materiais de fontes sustentáveis, design inteligente das embalagens e o fecho do ciclo) e inclui ações específicas para cada uma dessas fases.

Para impulsionar a inovação no desenvolvimento de embalagens e promover melhorias na infraestrutura da reciclagem, a Henkel está a colaborar com vários parceiros – o progresso para embalagens sustentáveis ​​só será possível se organizações de todos os setores e ao longo da cadeia de valor trabalharem juntas. “O Compromisso Global da Nova Economia do Plástico é um acontecimento sem precedentes, com empresas, governos e outros, em todo o mundo, a unirem-se em torno de uma visão clara do que precisamos para criar uma economia circular do plástico. Este é apenas um passo no que será uma jornada desafiadora, mas que pode gerar grandes benefícios para a sociedade, a economia e o meio ambiente”, afirma Ellen MacArthur, fundadora da Fundação Ellen MacArthur.