Versatilidade e conforto pautam nova coleção da Conforama

Não há volta a dar, apesar de gostarem de jantar fora e passear, os portugueses gostam de uma mantinha quente e de “sofazar” durante os meses mais frios e a prova está no estudo sobre os hábitos dos portugueses em casa que a Conforama apresentou durante o evento de apresentação da nova coleção que realizou recentemente em Madrid.

O facto de 80% dos portugueses se refugiar em casa com a chegada do Outono e das vagas de frio foi o mote para ativar o #modocasaon, a campanha que demonstra a importância da decoração do lar.

“O estudo dá a conhecer a importância que os portugueses dão à sua casa e o poder passar tempo de qualidade na mesma”, disse David Almeida, Diretor Geral Conforama Ibéria. “Com a campanha #ModoCasaOn queremos demostrar o papel fundamental que o adaptar e decorar a nossa casa tem no nosso estado de espírito e no nosso bem-estar, no geral, acrescenta.

O mesmo estudo diz que “quase metade dos portugueses prevê, durante este outono/inverno fazer algumas mudanças na sua casa. Estas renovações podem não só passar pela introdução de novos e pequenos apontamentos decorativos como a mudanças de maior dimensão”.

E não faltam motivos para querermos decorar ou redecorar a casa ao conhecermos a nova coleção do grupo francês. Como os portugueses também preferem o “multi-estilo” e de seguir tendências sendo os estilos moderno e minimalista os seus preferidos, seguidos do retro-vintage, a dificuldade será escolher.

Coube ao decorador Paulo Piteira, embaixador da marca em Portugal, fazer a visita guiada aos espaços criados especialmente para o evento de apresentação, dando dicas e explicando as tendências mais atuais, bem como algum do processo criativo de criação de um projeto de interior, chamando a atenção, por exemplo, para a zona que é mais cénica. A sensação foi a de não querer sair de lá, antes pelo contrário. A vontade foi a de ocupar e tomar como sua aquela “casa” tal o nível de conforto e bem-estar percecionado.

“A renovação do mobiliário e da decoração da casa é um fator essencial que contribui para o nosso bem-estar e nos faz sentir bem e relaxados em casa. Com mudanças de estilo de decoração e dos elementos de mobiliário conseguimos não só dar um ar fresco à nossa casa, mas também adaptá-la às diferentes etapas e divisões e evoluir com o espaço” afirmou Paulo Piteira.

Tendências e cores

Assim identificámos nos diversos ambientes criados, os tons e as tendências para esta estação. Em termos cromáticos, o rosa, os metalizados, o cobre, o ouro e o verde selva são os que estão mais em voga.

E quanto a tendências destacam-se o ‘Urban Kitchen’, espaços com linhas muito puras, com madeiras naturais e tons cinzentos e o ‘Jungle Fever’, baseado em elementos vegetais para recriar a voluptuosidade da natureza”. O ambiente do quarto de dormir que vimos foi inspirado no look Jungle patente nos complementos e tapeçarias e que contrastavam com o mobiliário moderno e sóbrio. Neste espaço procurou-se o máximo de arrumação possível. A cozinha foi um dos espaços que mais agradou com a grande ilha com espaço para refeição, a disposição, o mobiliário, as soluções de arrumação…

O quarto infantil apresentava propostas muito interessantes com áreas designadas para casa atividade: vestir, dormir, brincar, trabalho, sem esquecer as zonas de arrumação que têm de ser pensadas para as crianças.

A sala de estar, zona preferida dos portugueses para passarem o inverno, apresentou uma solução que convida ao convívio em que a televisão não foi contemplada de propósito, mas poderia muito bem ser integrada.

O entendimento que possa existir de que a Conforama está mais vocacionada para um determinado segmento não pode estar mais errado. Atualmente, a mensagem que foi apreendida foi que se trata de uma marca multi-estilo que apresenta soluções modernas, abrangentes, adequadas a qualquer casa e carteira. Há mesmo uma casa para todos na Conforama.

Recomendado para si

Conforama dá sugestões para tornar a casa mais acolhedora no Outono A Conforama partilha algumas sugestões para aproveitar a nossa casa e de a tornar mais acolhedora para os meses frios que se avizinham. Com o outono a...
Conforama apresenta a casa ideal dos portugueses Os portugueses sonham com uma casa que seja uma vivenda, com mais de 100m2, pelo menos 4 quartos e que se situe nos arredores da cidade. É assi...