12 °C Lisbon, PT
2018-12-12

Comida de conforto na nova carta do Páteo Velho Ordem dos Médicos

A Avenida Almirante Gago Coutinho é um oásis de sossego no frenesim de Lisboa, mas a avenida cheia de vivendas, é também a morada do Restaurante Páteo Velho Ordem dos Médicos que acaba de lançar a nova Carta para este outono/inverno, com produtos regionais portugueses da época, com comida de conforto e uma garrafeira composta por vinhos nacionais.

Ao contrário do que se possa imaginar, o restaurante da Ordem está aberto ao público em geral, incluindo ao almoço em que tem disponível um menu próprio e que «aquecer o coração dos clientes nos dias frios que se avizinham», como refere Amália [Milá] Veloso, proprietária da empresa Páteo Velho.

Na nova carta, que tivemos oportunidade de provar juntamente com alguns vinhos, nomeadamente de Alenquer, os clientes podem desfrutar de opções como a criativa e deliciosa canja de camarão com tortelinis e juliana de legumes. O polvo à lagareiro com batatas a murro e grelos; barriga de porco com estufado de favas e texturas de enchido; bochechas de vitela estufada em vinho tinto sobre risotto de cogumelos; ou, se preferirem, filetes de linguado frito com açorda de alho e coentros e lascas de bacalhau da Islândia com broa e crocante de presunto em cama de esmagada de brócolos e batata a murro.

Pub

Os que, por gosto ou opção, preferem pratos alternativos, também têm as suas opções na nova carta, como por exemplo o risotto de cogumelos trufados ou de legumes, ou mesmo raviollis de legumes assados com molho de abóbora e queijo-creme. Para finalizar, as sobremesas são igualmente variadas e apetecíveis: desde o petit gateau de caramelo com gelado de nata e crumble à tarte de mousse com caramelo salgado, à banana caramelizada com crocante de amendoim e molho de caramelo salgado, ou à fruta laminada da época.

Nos últimos domingos de cada mês, pode ainda deliciar-se com um inovador cozido, enriquecido com produtos gastronómicos característicos da zona Oeste como a pera rocha, marmelos e batata-doce.

A cozinha do Páteo Velho Ordem dos Médicos está entregue ao Chef Beja (já com experiência em restaurantes como a Bica do Sapato e o Hotel Real Villa Itália), sob a orientação do Chef José Mártires, do restaurante Páteo Velho, em Alenquer. Privilegia a gastronomia regional portuguesa com um toque de originalidade, criatividade e inovação, bem como uma especial atenção à pesquisa e aos pormenores.

Para acompanhar a refeição, o Páteo Velho Ordem dos Médicos dispõe de uma garrafeira composta por vinhos de todas as regiões do país, maioritariamente de pequenos produtores e com a particularidade de alguns serem médicos produtores.

Recorde-se que este ano o Páteo Velho Ordem dos Médicos foi premiado pelo terceiro ano consecutivo com ‘1 Garfo’ na 11.ª edição do concurso gastronómico “Lisboa à Prova”, sendo assim confirmado como um dos melhores restaurantes da capital. O Páteo Velho concorreu na categoria de Cozinha Tradicional, tendo sido reconhecido entre 126 estabelecimentos galardoados na competição.

Além do restaurante com capacidade para 45 pessoas, a empresa Páteo Velho gere no mesmo espaço uma cafetaria e um centro de eventos com lotação para 250 pessoas, onde se realizam desde eventos empresariais a casamentos, batizados e outras celebrações, beneficiando de infraestruturas modernas e de um jardim de árvores frondosas.

O restaurante Páteo Velho Ordem dos Médicos funciona de segunda-feira a sábado das 12h às 23h. Apesar de estar instalado na sede da Ordem dos Médicos, está aberto ao público em geral. Os preços médios são de 20 € ao almoço e 30 € ao jantar. É aconselhável reservar antecipadamente.

Restaurante Páteo Velho Ordem dos Médicos
Av. Almirante Gago Coutinho, 151, 1749-084 Lisboa
Tlm.: +351 936 330 173