Home | Imobiliário | Ocupação de escritórios dispara em maio

Ocupação de escritórios dispara em maio

Take up mensal ascendeu a 17.866 me o acumulado do ano está agora em 70.532 m2

Depois de encerrar o primeiro quadrimestre do ano com um take up acumulado (52.666 m2) cerca de 14% abaixo de igual período de 2018, o mercado de escritórios de Lisboa recuperou de forma expressiva em maio, mostra o mais recente Office Flashpoint da JLL. Assim, neste mês, as empresas ocuparam 17.866 m2 de área de escritórios, um resultado que impulsionou o acumulado do ano para 70.532 m2, ou seja, superando, ainda que muito ligeiramente (+1%), a atividade observada nos primeiros cinco meses de 2018. Neste período, registaram-se 74 operações, refletindo uma área média por transação de 953 m2. A JLL é responsável pela negociação de 33% da área colocada nos primeiros cinco meses de 2019.

Mariana Rosa, Diretora de Office / Logistics Agency and Transaction Manager da JLL, comenta: “Após um início de ano lento, chegamos em maio a níveis de 2018, o que se deve ao surgimento de novos espaços de escritórios no mercado, especialmente resultado de renovação e reconversão de edifícios. O abrandamento do mercado sentido até abril não se deve à falta de procura, que continua bastante ativa, especialmente por áreas de grande dimensão. Assim, é expectável que a atividade consiga pelo menos manter-se nivelada com o ano passado, à medida que o pipeline previsto para o ano vá ficando disponível”. 

Check Also

SottoMayor Residências recebe Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.