Actimel junta-se à Cruz Vermelha para ajudar famílias vulneráveis

Sabe-se que, em Portugal, a pobreza energética é um problema que afeta mais de 1,8 milhões de portugueses, dos quais 700 mil de forma severa. Dois em cada dez portugueses não conseguem manter a casa aquecida, um problema estrutural muito significativo e que afeta sobretudo as camadas mais idosas. Conforto na habitação, qualidade do ar, altos níveis de humidade e necessidade de reabilitações urgentes estão entre as principais causas deste flagelo, que coloca Portugal como um dos países onde se sente mais frio em casa, concretamente, o quinto país da Europa com maior risco de pobreza energética.

Actimel – que tem como principal propósito ajudar o sistema imunitário – consciente de que este é um problema que afeta os portugueses, sobretudo no Inverno, associa-se este ano, pela primeira vez, à Cruz Vermelha e juntos, vão ajudar centenas de famílias em situações de vulnerabilidade.

Através da integração do programa + Feliz da Cruz Vermelha – um projeto contínuo que nasce com o propósito de apoiar famílias que pontualmente ou de forma mais prolongada se encontram em situação de grande vulnerabilidade e que já ajudou mais de 50.000 lares – Actimel, marca do grupo Danone, vai ajudar no pagamento de bens de primeira necessidade como contas de eletricidade, gás e água, apoiando centenas de famílias vulneráveis. Deste modo, para além de cuidar do sistema imunitário e da saúde de todos os portugueses, Actimel contribui para proporcionar conforto e proteção contra as condições adversas do inverno. A iniciativa incluirá a distribuição de mantas a estas famílias vulneráveis e lares da Cruz Vermelha.

«Desde sempre que Actimel se tem proposto a ser o aliado do sistema imunitário dos portugueses. Este ano, a marca vai além do produto, numa ação que se materializará num contributo ativo para o sistema imunitário e saúde de centenas de famílias vulneráveis», afirma Actimel.

A assinatura deste protocolo vem dar continuidade ao duplo compromisso da Danone, com mais de 50 anos: um compromisso económico e um compromisso social. «É com enorme orgulho que nos juntamos à Cruz Vermelha, numa iniciativa tão necessária e que espelha também aquele que é o propósito da Danone. Por um lado, o de levar saúde, através da alimentação, ao maior número de pessoas possível; por outro, de gerar um impacto positivo na comunidade. Cientes dos desafios que a pobreza energética cria em Portugal, nomeadamente junto de grupos mais vulneráveis, esta é uma ação que nos faz mais sentido do que nunca, pela possibilidade de levar mais saúde, mais qualidade de vida e maior conforto ao número máximo de pessoas, com a expetativa de que, no futuro, esta parceria possa apoiar um número sempre crescente de famílias», refere Judith Gonzalez, GM da Danone Portugal.

Para o Presidente Nacional da Cruz Vermelha Portuguesa, António Saraiva, «todas as iniciativas que permitam à CVP reforçar a sua capacidade de resposta são muito relevantes. Saúdo por isso a Danone. Numa fase em que os pedidos de ajuda continuam a aumentar, provenientes das mais diversas realidades, desde famílias vulneráveis, pessoas em situação de sem-abrigo, idosos, pessoas deslocadas, a Cruz Vermelha está no terreno em todo o país a prestar apoio, conferindo mais dignidade à vida de cada uma destas pessoas.»
Para que todos possam juntar-se a esta causa + Feliz, Actimel disponibilizará ainda um espaço digital dedicado a donativos – www.danone.pt/actimelajuda – e para que esta ajuda possa mover-nos numa verdadeira onda de solidariedade, a iniciativa contará com uma campanha, com a criatividade da Fresh Design, disponível em Outdoors e também no ecossistema digital.

Check Also

ARTY by Pans são as novas sandes da Pans

A Pans apresenta a sua nova categoria de sandes ARTY by Pans como um convite …