Bimi® quer mostrar que comer vegetais não tem de ser aborrecido

O Bimi quer desafiar os portugueses a elevar as suas refeições e mostrar que comer vegetais não tem de ser aborrecido. Doce, rápido de confecionar e 100% comestível, o Bimi lança a campanha “Brócolos mas em Bom: Eleve o seu prato com Bimi” que estará visível nas redes sociais da marca e nas principais cadeias de hiper e supermercados.

Receitas fáceis, mas surpreendentes, serão reveladas nas plataformas sociais ao longo deste ano. O Bimi conta com a colaboração de influencers e chefs para mostrar que é fácil preparar pratos deliciosos com este vegetal inovador, comestível do caule ao florete.

Este ano, o Bimi é um dos patrocinadores do concurso Chefe do Ano, o maior e mais importante de cozinha para profissionais em Portugal. O objetivo é mostrar como se pode elevar um prato de forma simples e com muito sabor.

“O Bimi é um vegetal que eleva o prato em sabor, estética e originalidade. Queremos que todos cozinhem de uma forma rápida e simples pratos que elevam as refeições a um nível superior. Porque comer nos faz felizes e nos faz querer voar”, afirma Cari Plaza, communications manager da Sakata Ibérica, empresa que detém o Bimi,

Os brócolos Bimi® são suculentos, doces, com um leve sabor a frutos secos e uma textura macia. Podem-se comer por inteiro, ao contrário dos brócolos tradicionais. São “fast food” totalmente natural e uma maneira saborosa de comer legumes.

Rico em fibras, proteínas, folato e vitaminas A e C, Bimi® dá um upgrade saudável e delicioso a qualquer prato. Fonte de potássio, os brócolos Bimi® também ajudam a manter a pressão arterial normal.

Com cada vez mais adeptos na Europa, o Bimi conquistou os portugueses pelas suas características únicas e, prova disso, é o aumento da área de produção em território nacional, que passou de 10 hectares em 2021 para 80 hectares, com uma produção anual que já ascende aos 80.000 kg.

Cerca de 65% do Bimi® produzido em Portugal é exportado e o Reino Unido é o principal destino. A marca tem como objetivo manter o crescimento de dois dígitos no mercado nacional e, ao mesmo tempo, diversificar as exportações para outros mercados internacionais, como França, Alemanha e Polónia.

Check Also

Em 2024, A Padaria Portuguesa já doou 200 toneladas de alimentos

No âmbito do Dia Mundial da Gastronomia Sustentável, que se assinala a 18 de junho, …