NORM: a marca portuguesa de cuecas menstruais ‘sexy’ e sustentáveis lança a sua segunda coleção

Chama-se Norm e é uma nova marca portuguesa de cuecas menstruais sustentáveis, que nasceu da convicção de que todas as mulheres merecem sentir-se sensuais, livres e plenamente confortáveis, independentemente da fase do seu ciclo menstrual. Para atingir esse propósito, a marca desenvolveu cuecas menstruais que transcendem a função de roupa íntima absorvente, definindo-as antes como uma celebração da feminilidade, uma peça de roupa interior elegante e com muito glamour, que contribui para promover a confiança das mulheres nos dias mais desafiantes.

A ideia surgiu há cerca de três anos, quando as fundadoras Catarina Barreiros, Ana Cristina Faria e Ana Patrícia Faria perceberam a falta de opções de cuecas menstruais que oferecessem conforto, estilo e sustentabilidade. Catarina Barreiros, criadora de conteúdos conhecida pelo seu trabalho no Projeto Do Zero (projeto de comunicação para sustentabilidade que inclui um podcast e o evento anual Cidade do Zero), juntou-se a Ana Cristina Faria, com experiência na indústria têxtil e sustentabilidade, e a Ana Patrícia Faria, nutricionista com um interesse especial em saúde feminina e sustentabilidade, para criar uma marca que preenchesse essa lacuna no mercado. E assim nascia a Norm “uma fusão perfeita entre elegância, sustentabilidade e glamour recorrendo aos tecidos mais bonitos e confortáveis, com a mínima pegada ambiental possível”, conta Catarina Barreiros.

Acabada de chegar ao mercado, a primeira coleção da Norm oferece cuecas menstruais em três cores distintas (preto, bordeaux e rosa), sendo que todos os modelos estão disponíveis em quatro tamanhos, que vão do XS ao XL. Cada peça foi meticulosamente projetada para assegurar a segurança e liberdade de movimentos, utilizando os tecidos mais bonitos e confortáveis, sem comprometer a feminilidade e autoconfiança e garantindo, ainda, a mínima pegada ambiental possível. Orgulhamo-nos de utilizar quase exclusivamente tecidos de origem renovável (e orgânica) e reciclados. E tudo (sem exceção – do tecido, ao elástico, passando pela renda) de stock parado de fábricas nacionais”, explica a criadora de conteúdos e cofundadora da marca. Um detalhe dos modelos Norm é a inclusão de renda, proporcionando um toque de sofisticação e feminilidade à coleção de cuecas menstruais.

A responsabilidade social e ambiental está intrinsecamente ligada à essência da marca. Em todas as decisões, a sustentabilidade é o fator determinante, tendo a Norm adotado uma estratégia que vai além dos materiais utilizados na confeção ou nas entregas das encomendas. “Desde o início, a Norm adotou uma abordagem sustentável em todas as suas operações. Toda a produção é local, realizada em Portugal, em fábricas especializadas e por costureiras independentes”, garante Catarina Barreiros. “Do packaging, à transportadora, passando pelas ‘modelos’ escolhidas para as sessões fotográficas, até às etiquetas, a sustentabilidade ambiental e social é que dita as regras!”, brinca.

Dado o sucesso do primeiro modelo, com um grande interesse e recetividade do público, a Norm lança agora a sua segunda coleção: um formato de cintura subida, para quem gosta de modelos um pouco mais subidos e mais ajustado à barriga. O novo modelo está disponível em 2 cores diferentes, preto e rosa, e em todos os tamanhos, incluindo um novo tamanho, XXL.

Os produtos Norm podem ser encomendados na sua loja online, www.normperiod.com, e os novos modelos acabam de ficar disponíveis em pré-venda. Para além das cuecas menstruais, a marca dispõe ainda de uma bolsa impermeável e de um gift card que também podem ser adquiridos no site.

Para quem quer saber mais sobre a marca, ver os produtos ao vivo e tirar dúvidas, a Norm vai marcar presença no Spring Market da Sylista, nos dias 16 e 17 de março, no Estoril. Relativamente a outras novidades, Catarina Barreiros adianta que a Norm tem planos emocionantes para o futuro: “Está programado o lançamento de um novo modelo, com um caráter desportivo e uma forte vertente social, voltado para um público mais jovem. E acrescenta: “Além disso, a marca está a desenvolver o seu primeiro produto que não é específico para a menstruação, mas que acompanha um ciclo importante da vida da mulher. Mas sobre este último, não vou dar mais informação!” brinca.

Mais informações sobre a Norm em www.normperiod.com, onde está disponível toda a informação sobre os produtos: características, duvidas de utilização, envios, trocas, assim como as políticas de responsabilidade ambiental e social da marca, que vale a pena conhecer. Outras novidades sobre a marca, na sua página de Instagram @norm.period.

Check Also

Topázio celebra Dia Mundial da Criança com coleção inspirada no Principezinho

De forma a assinalar o Dia Mundial da Criança, a Topázio – marca de luxo …