Perfil do CEO: homem, 54 anos e com um MBA

Eis o perfil global do CEO: homem, em média com 54 anos de idade, e com estudos em Harvard, na Universidade de Oxford ou em Cambridge. Estes são apenas alguns dos dados apurados pelo estudo realizado pela Qlik, empresa líder em Data Discovery com presença direta em Portugal, que analisou os perfis e a experiência dos principais CEOs de diferentes países do mundo. Os resultados da investigação estão disponíveis na aplicação “Where Do CEOs come From”, no QlikView, a plataforma de business intelligence orientada para o utilizador.

A aplicação combina uma ampla variedade de dados compilados durante o mês de julho deste ano, baseando-se nos CEOs das empresas que integram o Índice UK FTSE 100 e 250, juntamente com informação sobre diretores executivos das companhias mais importantes da Ásia-Pacífico, da Alemanha e da Suíça. A investigação analisou dados muito variados, incluindo o local de nascimento, o género, as universidades e os cursos que frequentaram, e a experiência profissional anterior.

Através da análise dos dados, conclui-se que, depois de Ciências Económicas e Gestão de Empresas, Engenharia é o curso mais prevalente nos principais CEOs, seguido de Direito. Apesar de Harvard e das instituições de Oxbridge serem as universidades mais frequentadas, a Universidade de Manchester, o Imperial College of London e a Universidade de Tóquio também estão entre as universidades mais frequentadas pelos CEOs.

Principais resultados da investigação:

Género:
  • 96% dos CEOs de todo o mundo são homens, apenas 4% são mulheres
  • A Índia tem a proporção mais alta de mulheres CEO, com 8%, seguida do Reino Unido e da Austrália, com 5%. No lado oposto estão Japão e Hong Kong, países onde todos os CEOs são homens
  • Todas as mulheres CEO da Índia trabalham em organizações financeiras
Educação:
  • 92% dos CEOs têm um cursos superior universitário
  • O curso mais frequentado pelas mulheres CEO é Gestão de Empresas, enquanto o mais frequentado pelos homens CEO é Ciências Económicas
  • Quase uma quinta parte (18%) dos CEOs de todo o mundo tem um MBA (Master of Business Administration)
No trabalho:
  • Um terço dos CEOs na Suíça são estrangeiros
  • O Japão apresenta os números mais altos em termos de rotação de postos de trabalho, com 68% dos CEOs a ocupar os seus cargos durante um período inferior a 5 anos. Este valor supera em 16% a percentagem média de rotação de CEOs de todo o mundo, que é de 52% (tendo-se mantido no cargo menos de 5 anos)
  • Antes de ocupar o cargo de CEO, a maioria (9%) trabalhou como Diretor-Geral, seguido de 6% que vinham da área financeira, como CFOs ou Diretores Financeiros, e de 5% que ocupavam cargos de Diretor de Operações (COO)

“Depois de consultar os CEOs das empresas do FTSE 100 e 250 no ano passado, queríamos aprofundar mais esta investigação e comprovar qual era o perfil do CEO a nível global” refere Lorna Díaz, Diretora de Marketing de Qlik Ibérica. “Curiosamente, o perfil do CEO é bastante similar em todos os países, sendo geralmente homem, com cerca de 50 anos e tendo estudado numa das universidades mais prestigiadas do mundo.”

Check Also

Würth abre 31ª loja em Portugal

A Würth, líder global em fornecimento de produtos e serviços de fixação e montagem, celebra …